Siga-nos

Notícias

‘Borrachinha’ revela planos de subir para os meio-pesados após encarar Adesanya

‘Borrachinha’ deve ser o próximo desafiante ao cinturão peso-médio do UFC – Diego Ribas

Assim como Israel Adesanya, Paulo ‘Borrachinha’ também enxerga em seu futuro uma subida para os meio-pesados (93 kg). Porém, diferente do nigeriano, o mineiro planeja migrar para a categoria de cima, se possível, assim que conquistar o cinturão peso-médio (84 kg) do UFC, o que pode acontecer em breve, já que ele deve ser o próximo a desafiar o campeão.

Em entrevista ao site ‘MMA Junkie’, o brasileiro alegou que o corte de peso para ficar dentro do limite estabelecido pela categoria dos médios se tornou demasiadamente desgastante para sua estrutura corporal, ao justificar seus planos para o futuro próximo. Por sua vez, Adesanya – que já inclusive desafiou o campeão da divisão até 93 kg, Jon Jones – admitiu que precisaria de mais alguns anos até estar preparado para realizar essa mudança, coincidentemente após ‘Bones’ aceitar o desafio. Irônico, ‘Borrachinha’ afirmou que seu caso será diferente e que não mudará de opinião.

“Eu acredito que eu posso pegar dois cinturões, peso-médio e peso-meio-pesado. Eu acredito nisso. Sou grande, é um pouco difícil bater 84 (kg), então eu acho que posso levar dois cinturões para o meu país depois da minha próxima luta. Meu plano é subir para o meio-pesado em breve, rapidamente depois da minha próxima luta, se for possível. Isso depende de quem, se o meio-pesado vai ter um grande nome como Jon Jones ou não, mas eu não estou com medo de lutar contra caras grandes”, revelou ‘Borrachinha’, antes de debochar do desafeto Adesanya.

“Como o magrelo Adesanya, ele desafiou Jon Jones, mas quando Jon Jones aceitou, ele disse: ‘Não, eu preciso de dois anos para treinar’. Ninguém pode pedir por algo e quando seu desafio é aceito, ele diz: ‘Não, agora não’. Isso é vergonhoso. Eu não vou ser assim. Estou pronto, se eu quiser lutar no meio-pesado agora, eu posso fazer isso. Então, eu acredito que depois dessa luta, eu vou dar o próximo passo, para o próximo tiro”, finalizou.

Invictos em suas carreiras, Paulo ‘Borrachinha’ e Israel Adesanya estavam previstos para medirem forças desde 2019, mas uma lesão no bíceps do brasileiro obrigou o nigeriano a fazer sua primeira defesa de título diante de Yoel Romero, em março deste ano. Recuperado, o mineiro aguarda agora a confirmação da data e local de seu duelo contra o campeão.

Mais em Notícias