Siga-nos

Notícias

Após derrota para Werdum, Gustafsson lamenta: “Perder é uma m***”

Alexander Gustafsson fez sua estreia nos pesos-pesados do UFC – Florian Sädler

Depois de uma breve aposentadoria, Alexander Gustafsson retornou aos octógonos no último sábado (25) com um duro desafio pela frente: estrear nos pesos-pesados diante de um ex-campeão da categoria. A nova experiência, no entanto, durou pouco. Com pouco mais de dois minutos de luta, o sueco acabou finalizado por Fabrício Werdum no card principal do quarto evento promovido pelo UFC na ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU).

Logo após a peleja, o ex-desafiante ao cinturão dos meio-pesados (93 kg) utilizou sua conta oficial no Twitter para se pronunciar (veja abaixo ou clique aqui). Apesar de lamentar o revés, Gustafsson agradeceu pela oportunidade e fez questão de exaltar o triunfo de Khamzat Chimaev, seu companheiro de treinos, no mesmo evento.

“Perder é uma m***, mas eu estou vivo e saudável. Isso é um esporte, um esporte que eu amo! Obrigado Werdum por uma grande luta e ao UFC pela oportunidade! Agora vamos celebrar meu irmão e companheiro de time Kamza Borz (Chimaev)! Ele está vindo para pegar todo mundo, estejam prontos”, escreveu Gustafsson.


Com o resultado, Alexander Gustafsson chegou a sua terceira derrota consecutiva no octógono do Ultimate. As duas anteriores foram diante de Jon Jones, em disputa pelo cinturão dos meio-pesados, e Anthony Smith, na última edição do UFC Suécia.

Mais em Notícias