Siga-nos
Reprodução/Twitter

Eventos internacionais

Campeão do ‘Bare Knuckle FC’ desafia Jorge Masvidal para luta de boxe

O último sábado (26) foi especial para o peruano Luis Palomino. No evento de número 18 do ‘Bare Knuckle FC’, realizado na Flórida (EUA), o veterano venceu Tyler Goodjohn por decisão unânime e defendeu o título do peso-leve da organização pela primeira vez. Invicto no boxe sem luvas, o campeão do BKFC não esqueceu sua passagem pelo MMA e tratou de desafiar um velho conhecido.

Após vencer Goodjohn, Palomino, empolgado pela defesa de título, não perdeu tempo e, ainda no ringue, desafiou Jorge Masvidal, integrante do top-10 dos meio-médios (77 kg) do UFC (veja abaixo ou clique aqui). A curiosidade é que os atletas se enfrentaram em 2010 e, na ocasião, o peruano levou a melhor sobre ‘Gamebred’ por decisão dividida. Mesmo em vantagem na rivalidade, ‘Baboon’ tornou público seu interesse em uma nova disputa com ‘Gamebred’, que se tornou uma estrela dos esportes de combate, desta vez no boxe.

“Se você quer sua revanche, lembre-se que ganhei de você em 2010, oito quilos mais pesado. Se você quer sua revanche, eu sei que você está no topo do UFC, eu sei, mas vi Dave Feldman no corner de algumas pessoas em lutas de boxe. Portanto, representarei o BKFC, você pode representar o UFC e lhe darei a revanche no ringue, com o respeito e com a permissão de Dave Feldman”, declarou Palomino.

Luis Palomino, de 40 anos, ficou conhecido no MMA por conta de seu estilo de luta agressivo. Inclusive, os dois combates que o peruano protagonizou com seu algoz Justin Gaethje, no WSOF, se tornaram verdadeiros clássicos, justamente, pela intensidade dos atletas. Nas artes marciais mistas, o veterano possui um cartel de 25 vitórias, sendo 15 por nocaute, e 17 derrotas. Já no boxe sem luvas, ‘Baboon’ está invicto, com quatro triunfos.

Mais em Eventos internacionais