Siga-nos

Entrevistas

Marlon Moraes elogia qualidade de rival, mas avisa: “Não existe ninguém invencível”

Marlon Moraes vive momento dramático em sua carreira no MMA e se prepara para disputar uma luta que definirá seu futuro no UFC. Na edição de número 266, que acontece neste sábado (25), em Las Vegas (EUA), o brasileiro vai enfrentar o perigoso Merab Dvalishvili e tem conhecimento de que uma nova derrota pode ocasionar sua saída da organização. Mesmo assim, o atleta não se abala com a atual situação e indica que é apenas uma questão de tempo para reviver seus melhores dias no esporte.

Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag. Fight (veja acima ou clique aqui), Marlon ignorou as duas derrotas seguidas que sofreu via nocaute e sinalizou que o recente retrospecto lhe dá ainda mais motivação para encerrar a má fase e, consequentemente, provar que ainda pertence ao topo do peso-galo do UFC.

Como possui experiência de sobra no MMA, o brasileiro ressaltou que a fama de Merab não o assusta e classificou o lutador como o oponente perfeito para exigir o máximo de sua capacidade. Vale destacar que o atleta da Geórgia integra o top-15 da categoria e é apontado como uma das principais ameaças aos tops dela. Empolgado com o importante duelo, ‘Magic’ até revelou a estratégia para desbancar o adversário.

“Às vezes, é difícil fazer uma luta empolgante contra atletas assim, mas estou preparado para anular jogo dele e fazer o meu jogo, a minha luta. Vou lutar do meu jeito, o jeito que a galera gosta de assistir. Estou muito motivado, feliz por estar aqui. A minha trajetória é longa, de superação, de vitória. A minha vida foi assim. É a hora de pegar uma luta dura, vencer e mostrar para todos a minha qualidade, que estou aqui. Tenho certeza que ainda sou um dos melhores. A oportunidade está aí e vou com tudo”, declarou Marlon, antes de completar.

“Não existe ninguém imparável, invencível. Quando entramos no octógono, as chances são iguais para os dois lados. A pressão está nele e vou lá para me divertir, fazer meu trabalho. Vou fazer tudo que sempre fiz. Preparado igual como estou, nunca estive. Tenho um pouco de tudo e espero fazer uma mistura boa, ser completo em pé, arisco no chão, pressionar na hora certa. Ele usa muita energia no início, aposta no grappling, mas luta é luta. Posso vencer em três rounds ou em cinco rounds”, avaliou ‘Magic’.

Para o duelo válido pelo fechamento do card preliminar do UFC 266, o clima entre os lutadores é leve. Quando questionado sobre o combate, Merab enalteceu a carreira de Marlon e reforçou que é uma honra enfrentar um atleta tão gabaritado. Ao tomar conhecimento da declaração do oponente, o brasileiro retribuiu o elogio e o parabenizou por ter vencido seis lutas seguidas.

O importante embate entre os integrantes do peso-galo coloca frente a frente Marlon, sexto no ranking da categoria, contra Merab, 11º na tabela de classificação, e a distância poderia impedir a realização do confronto. Entretanto, o brasileiro informou que jamais pensou em se esquivar da luta, mesmo em situação delicada no UFC. De acordo com ‘Magic’, seu objetivo é medir forças com os melhores atletas, estando em boa fase ou não.

“Eu respeito todos os meus oponentes e entro para vencer. Vou responder da mesma maneira. Me sinto honrado por enfrentar um cara com a história que ele tem. Ele está crescendo muito na organização, tem muitas vitórias. Faz total sentido lutar com ele. Estou em busca de recuperação dentro da companhia, venho de derrota. Nunca escolhi lutas, nunca falei não. O UFC perguntou para o cara certo se eu queria lutar com ele. Aceitei e é isso. Sábado, será eu e ele e veremos quem é o melhor. Conheço a história do Merab e sei que foi muito difícil para ele chegar ao UFC. A sequência que ele tem não é para qualquer um, mas, no sábado, vou para quebrar essa sequência e de uma maneira que a galera vai gostar muito” concluiu.

Mais em Entrevistas