Siga-nos
exclusivo!
Diego Ribas

Entrevistas

Mackenzie relata ameaças de ex-treinador e dispara: “Maior mentiroso que conheço”

Nem mesmo o show de jiu-jitsu aplicado no card principal do UFC Las Vegas 11, que lhe rendeu a vitória sobre Randa Markos e o prêmio de ‘Performance da Noite’, parece ter sido suficiente para Mackenzie Dern deixar para trás o imbróglio com Juan Gomez, seu ex-treinador na ‘Black House’. Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag. Fight logo após o evento, a peso-palha (52 kg) desabafou e revelou que tem sofrido ameaças e agressões verbais por parte do antigo responsável pelos seus treinamentos de trocação.

O desentendimento teve início quando Gomez agrediu o marido da lutadora, o surfista Wesley Santos, no meio da preparação de Dern para o combate do último sábado (19). Após o incidente, a americana – que representa o Brasil por ter dupla nacionalidade – optou por continuar seu camp sob a tutela do renomado coach Jason Parillo e, de acordo com ela, passou a receber ameaças do antigo treinador, inclusive durante a semana pré-luta.

“Foi a melhor coisa que aconteceu. Fiquei com um coach de outro nível. Queira que (essa mudança) tivesse acontecido antes. Meu ex-treinador é o maior mentiroso que eu conheço. Ele fala que tem mais de 40, 50 lutas, e eu nunca vi nada dele no Google. A única coisa que vai ter com o nome dele no Google agora é que ele brigou com o meu marido, agrediu meu marido. Não queria falar isso antes, mas agora que eu ganhei posso falar. A semana inteira da luta ele mandou mensagens ameaçando meu marido, me ameaçando, me chamando de cachorra, de traíra, fazendo perfis fakes. E (ao mesmo tempo) dando entrevistas falando que ele gosta de mim, dizendo que a gente sabe o motivo da briga. Nós não temos a menor ideia, a gente só quer distância do Juan Gomez”, desabafou Mackenzie, antes de continuar.

“Ele pode me chamar de mentirosa, mas eu tenho todas as provas. E se ele continuar me ameaçando e ameaçando minha família, a gente vai mostrar para todo mundo. Espero que ele pare com isso, porque eu não tenho problema nenhum de mostrar o que aconteceu. Não tinha intenção de processar porque pode ser muito ruim para a vida dele, porém se ele ficar ameaçando e falando que quando a gente for para o Havaí, que ele tem as conexões dele no Havaí… Poxa, eu tenho uma filha de 15 meses, meu marido é surfista, nunca fez mal a ninguém e eu sou uma lutadora, minha agressão é toda aqui dentro (do octógono). Nós não temos intenção de prejudicar ninguém, mas espero que ele se afaste porque a coisa pode ficar bem feia se ele continuar com essas ameaças e xingamentos nas redes sociais”, afirmou Dern.

Multicampeã no jiu-jitsu, Mackenzie Dern migrou para o MMA profissional em 2016 e, com o resultado do último sábado, agora soma nove vitórias, sendo seis por finalização, e apenas uma derrota em seu cartel. Com o triunfo, a peso-palha, que ocupa atualmente a 15ª posição no ranking da divisão, pode subir alguns degraus na próxima atualização da lista.

Mais em Entrevistas