Siga-nos
exclusivo!
Leandro Bernardes

Entrevistas

Feliz por reprise de novela, Poliana Botelho abre as portas para futuro como atriz

Na última segunda-feira (21), a Rede Globo transmitiu o primeiro episódio da novela ‘A Força do Querer’, folhetim que foi ao ar originalmente em 2017 e que agora será reprisada no horário nobre em função da limitações de para novas gravações em tempos de pandemia. Personagem de um dos principais momentos da trama em seu capítulo final, Poliana Botelho – peso-mosca (57 kg) do UFC – não esconde a ansiedade para se ver novamente na telinha da televisão.

Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag. Fight, Poliana destacou a experiência vivida ao fazer uma breve, porém marcante, participação na novela. A lutadora ainda deixou as portas abertas para futuros trabalhos no meio artístico, especialmente após encerrar sua trajetória no esporte.

“Foi uma experiência muito diferente. Eu nunca tinha vivido isso, fazer um trecho de uma novela, e ainda mais o principal. Com certeza, vou estar ligada na TV para assistir mais uma vez. Acredito que vai demorar um pouco (a minha parte), porque foi no último capítulo”, comentou Poliana, antes de indicar que pode estar aberta a novos projetos desse tipo no futuro.

“Sim. Quem sabe no futuro eu possa fazer novelas, filmes. É uma experiência que, com certeza, pode ser interessante para o futuro”, afirmou a lutadora do UFC.

Na trama, Jeiza – personagem principal da novela, interpretada pela atriz Paolla Oliveira – sonha em ter sucesso como atleta de MMA. Após muitos acontecimentos, a ‘lutadora’ chega ao último capítulo pronta para disputar e conquistar o cinturão do UFC, justamente contra Poliana Botelho. Além da peso-mosca, também participaram da gravação desta sequência o veterano árbitro Mário Yamasaki e ‘a voz do Ultimate’ Bruce Buffer.

Já na vida real, Poliana Botelho se prepara para enfrentar a canadense Gillian Robertson no próximo dia 17 de outubro, em evento do UFC promovido na ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU). Até o momento, a brasileira possui três triunfos e apenas um revés sofrido na principal organização de MMA do mundo.

Mais em Entrevistas