Siga-nos

Entrevistas

Carla Esparza exalta sua performance após duras batalhas no UFC

Carla Esparza é a atual número sete da ranking dos palhas do UFC – Rigel Salazar

Primeira campeã peso-palha (52 kg) do UFC, Carla Esparza travou algumas das mais emblemáticas batalhas de sua divisão no evento. Uma delas, contra Marina Rodriguez no último sábado (25), a deixou com o rosto marcado, preço pago para que a vitória fosse anotada em seu cartel. E depois do feito, a americana foi clara em seu recado.

Talvez pelo acúmulo de disputas decididas pelas mãos dos juízes em sua carreira – quase 60% de seus triunfos foram dessa forma -, Esparza parece não receber os devidos méritos. No entanto, ela própria analisou seus recentes desempenhos para deixar clara a sua evolução no octógono.

“Cara, estou neste esporte faz tanto tempo. Já me machuquei, já fui castigada e me vi em vários momentos ruins. Mas acho que é um lugar que mostra o seu coração e sua durabilidade no esporte. Você pode ser colocado nesses lugares difíceis e seguir caminhando? É isso que eu acho que provei na minha carreira”, pontuou durante coletiva de imprensa após o final de sua última luta.

Também ex-campeã do Invicta FC e vencedora do primeiro TUF realizado com atletas mulheres, a americana de 32 anos segue no topo do esporte após dez anos de carreira. A longevidade aliada à melhoria de suas habilidades tornou possível que ela seguisse como top 10 do UFC.

“Sinto que eu sempre fui uma lutadora humilde ao longo da minha carreira. Apenas tentei ser verdadeira sobre quem eu sou e segui tentando vencer e provar quem eu sou através das minhas performances”, finalizou.

Mais em Entrevistas