Siga-nos
exclusivo!
Diego Ribas

Boxe

Papai de ouro! Robson Conceição revela promessa de título para filha mais nova

Nesta sexta-feira (23), Robson Conceição pode fazer história e entrar para a seleta lista de pugilistas campeões olímpicos e mundiais da modalidade, que conta com nomes lendários como Muhammad Ali, Joe Frazier, George Foreman e Sugar Ray Leonard. No entanto, essa não será a principal motivação do brasileiro para vencer Shakur Stevenson. Natural da Bahia, ‘O Brabo’ entrará no ringue, sobretudo, para cumprir uma promessa a alguém mais que especial: sua filha mais nova, Sthepanie, de cinco anos.

Em entrevista exclusiva à Ag Fight, Robson revelou que prometeu conquistar o título mundial para sua caçula. A prática já é uma tradição familiar. Em 2016, quando se sagrou campeão olímpico, no Rio de Janeiro, o pugilista também havia prometido faturar a medalha de ouro – desta vez para sua filha mais velha, Sophia, que hoje tem oito anos de idade. Para evitar ciúmes entre sua prole, o atleta brasileiro pretende cumprir também a segunda meta estabelecida.

“Não me preocupo muito com isso não (entrar nessa lista), só sigo meus objetivos, minhas metas de vida, uma delas é ser campeão mundial, prometi isso à minha filha mais nova, Sthepanie. O ouro olímpico prometi à minha filha Sophia, e cumpri. Mas ser lembrado e participar desse seleto grupo (campeões mundiais e olímpicos) será uma grande honra pra mim”, revelou.

Para cumprir a promessa, Robson precisa superar Shakur Stevenson nesta sexta-feira, em Newark (EUA). O combate coloca em jogo – apenas para o brasileiro – o título mundial super-pena (59 kg) da Organização Mundial e do Conselho Mundial de Boxe (WBO e WBC). O norte-americano, que era campeão da categoria, perdeu o direito aos cinturões ao falhar na pesagem e não atingir o limite estabelecido para a disputa. Apesar do imbróglio, ‘O Brabo’, respeita as credenciais do rival.

“Ele é o campeão, e não é à toa. É um bom lutador, canhoto. Treinei muito, e estou pronto para o combate. Da minha parte será um combate intenso, muita movimentação, muita combinação de golpes. Tive a minha melhor preparação da vida para uma luta, e darei o meu melhor. Levarei esse título para minha família, e para os baianos, para o Brasil”, prometeu.

Desde que se tornou profissional na nobre arte, Robson soma 17 vitórias e apenas uma derrota em seu cartel. Seu adversário nesta sexta, no entanto, se mantém invicto na modalidade, com 18 triunfos conquistados até então.

Mais em Boxe