Siga-nos
Reprodução/Youtube

Boxe

Belfort mostra respeito e enaltece Holyfield por aceitar luta de boxe: “Tem coragem”

Sem lutar desde 2018, Vitor Belfort vai fazer seu retorno triunfal aos esportes de combate e o adversário é um dos atletas mais renomados da história. Neste sábado (11), na Flórida (EUA), a lenda do MMA lutará boxe contra Evander Holyfield, ícone da nobre arte. E, como não poderia ser diferente, o brasileiro expressou toda sua admiração pelo veterano e atual oponente.

Na coletiva de imprensa pré-evento da ‘Triller Fight Club’, Belfort enalteceu não só a qualidade de Holyfield lutando, como também sua coragem de aceitar o duelo. Vale destacar que o americano, mesmo com idade avançada (58 anos) para seguir em ação nos esportes de combate, concordou em substituir Oscar De La Hoya, que saiu de cena, porque testou positivo para a COVID-19.

É bem verdade que Belfort treinou para encarar um adversário com as características de De La Hoya, porém não criou problema com a mudança de oponente. Pelo contrário, ‘The Phenom’ abraçou o desafio, já que saiu de uma lenda do boxe para outra. A curiosidade é que, antes do confronto ser, de fato, oficializado, o brasileiro, constantemente, mostrava interesse em enfrentar ‘The Real Deal’ e o desafiava. Depois de muito insistir, o ex-campeão do UFC foi recompensado.

“Falamos sobre Holyfield e ele assumiu a luta. Para mim, foi um upgrade da classe executiva para a primeira classe. Um deles é uma lenda dos pesados o outro é uma lenda mais leve. Estou entrando no esporte deles. Eu acho que ele é uma lenda. Ele é Holyfield. É um privilégio poder lutar com ele neste momento da vida dele e da minha vida e mostrar minhas habilidades como boxeador. Ele tem coragem. Holyfield é o verdadeiro negócio. Ele adora o boxe e quer mostrar que a idade não te define. Parem de definir as pessoas pela idade”, declarou ‘The Phenom’.

Se depender de Vitor Belfort, de 44 anos, sua permanência nos esportes de combate, principalmente no boxe, vai durar por muito tempo, já que possui alvos relevantes. Além do duelo contra Evander Holyfield, o brasileiro expressou o interesse em remarcar a luta com Oscar De La Hoya e em enfrentar os irmãos Paul. A imprensa especializada também especula que ‘The Phenom’ pode reencontrar Anderson Silva, dessa vez no ringue.

Mais em Boxe