Siga-nos

Bellator

Patrício ‘Pitbull’ e Douglas Lima entram no top 10 de melhores finalizações da história do Bellator

Criado em 2008 e com mais de 200 eventos promovidos até o momento, o Bellator já teve inúmeras finalizações inesquecíveis sendo aplicadas dentro do cage. Dentre todas elas, dez foram escolhidas pela entidade para fazer parte da lista de melhores e mais importantes da sua história. E dois brasileiros foram agraciados com a honra de fazer parte desse top 10 (veja acima ou clique aqui).

Bicampeão do Bellator, Patrício ‘Pitbull’ – detentor dos cinturões peso-pena (66 kg) e peso-leve (70 kg) da liga – entrou na quarta posição da lista. Com 11 de suas 30 vitórias na carreira obtidas via finalização, o potiguar cravou seu nome no top 10 com um mata-leão aplicado contra Daniel Straus na edição 132 do evento, realizada em janeiro de 2015.

Restando poucos segundos para o fim do quinto, e último, assalto, ‘Pitbull’ conseguiu escapar de uma tentativa de kimura por parte de Straus e, rapidamente, fez a transição para as costas do rival. No domínio da posição, o brasileiro encaixou o apertado mata-leão para obrigar o americano a desistir do combate com os três tapinhas.

Outro brasileiro presente no top 10 de finalizações da história do Bellator é Douglas Lima, campeão meio-médio (77 kg) da entidade. Assim como o compatriota, o lutador natural de Goiânia (GO) também entrou na lista com um mata-leão, que lhe garantiu a vitória sobre Andrey Koreshkov, em luta válida pelo último Grand Prix da divisão até 77 kg, vencido justamente pelo brasileiro.

No terceiro capítulo da trilogia contra Koreshkov, realizado no Bellator 206, em setembro de 2018, Douglas conseguiu desempatar o placar com uma vitória por finalização, restando pouco menos de dois minutos para o fim do quinto round. Após chegar às costas do adversário com uma belíssima movimentação no chão, o brasileiro aplicou um mata-leão bastante apertado e colocou o rival para dormir.

Mais em Bellator