Siga-nos
Leandro Bernardes / PxImages

UFC

Treinador de ‘Do Bronx’ descarta luta contra Nate Diaz: “Objetivo é o cinturão”

Sem lutar desde novembro de 2019, Nate Diaz continua movimentando os bastidores do UFC a cada especulação sobre seu futuro. Em recente entrevista à ‘ESPN’ americana, o popular lutador citou Charles ‘Do Bronx’ e Dustin Poirier como rivais de sua preferência para o seu próximo compromisso no octógono mais famoso do mundo. Porém, o interesse do americano em um hipotético confronto não parece ser compartilhado pela equipe do brasileiro.

Através de comunicado enviado à reportagem da Ag Fight, Diego Lima – treinador de ‘Do Bronx’ – descartou a possibilidade de seu pupilo aceitar um duelo contra o ‘bad boy’ neste momento. Apesar de reconhecer que um possível confronto contra Nate traria um retorno financeiro significativo para o lutador paulista, o líder da ‘Chute Boxe São Paulo’ ressaltou que o foco do peso-leve (70 kg) está totalmente voltado para a conquista do cinturão da categoria.

“Sendo bem sincero, é uma luta que teoricamente não faz nenhum sentido para nós. O Nate não está na ativa, muito menos ranqueado. É uma luta que só aconteceria por questões financeiras mesmo. Mas, mesmo assim, acho que não seria benéfico nesse momento. O McGregor a gente sabe que vende muito. Realmente quem ele enfrenta bomba. Já o Nate não está nesse patamar. Nosso objetivo é o cinturão. Mesmo se valer muito a pena financeiramente, hoje não vejo essa luta agregando na carreira do Charles. O objetivo é um só, o título dos pesos-leves”, afirmou Diego Lima.

Com oito vitórias consecutivas, Charles ‘Do Bronx’ se encontra atualmente na terceira posição do ranking peso-leve do Ultimate. A boa fase colocou o brasileiro como um dos favoritos para a próxima disputa de título da categoria, ainda não confirmada oficialmente pela organização.

Por sua vez, Nate Diaz não compete no peso-leve desde 2015 e, portanto, não faz parte do ranking da categoria. Recentemente, Dana White – presidente do UFC – indicou uma possível volta do popular lutador à divisão até 70 kg, mas nenhum compromisso foi confirmado até o momento.

Mais em UFC