Siga-nos
UFC/ Divulgação

UFC

Show de nocautes marca card preliminar do UFC Vegas 19

Embora pouco atrativo para o grande público e com três baixas de última hora, o card preliminar do UFC Vegas 19 presenteou os fãs do esporte com diversos nocautes. Alguns dos resultados, inclusive, ganharam destaque e seus protagonistas merecem atenção para suas próximas apresentações.

Estreante no evento, Casey O’Neill, de apenas 23 anos, anotou sua sexta vitória profissional na carreira que permanece invicta. Neste sábado, (20), a jovem australiana não tomou conhecimento da mais experiente Shana Dobson.

Melhor durante toda a disputa, o atleta imprimiu forte ritmo até obrigar o árbitro a interromper o confronto, que estava prestes a se transformar em um monólogo no octógono. Interrupção correta do árbitro Chris Tognoni no segundo round.

Depois de estrear com derrota no UFC, John Castañeda voltou ao octógono decidido a mudar a impressão deixada em 2020. Diante do veterano Eddie Wineland, o atleta de 29 anos não demorou para aproveitar a lentidão do rival no final do assalto inicial e conectar uma sequência de diretos que garantiu a vitória.

Quem também apresentou uma nova versão de si mesmo no evento foi Julian Erosa. Após acumular derrotas e ser demitido do Ultimate em 2019, o atleta venceu fora da liga, foi recontratado e agora soma dois triunfos seguidos no show. Desta vez, a vítima foi Nate Landwehr, que sucumbiu a uma joelhada voadora certeira no 1º round.

Acompanhe os resultados do UFC Vegas 19:

Jared Gordon venceu Danny Chavez por decisão unânime;
John Castañeda nocauteou Eddie Wineland no 1º round;
Julian Erosa nocauteou Nate Landwehr no 1º round;
Casey O’Neill nocauteou Shana Dobson no 2º round;
Aiemann Zahabi nocauteou Drako Rodriguez no 1º round;
Sergey Spivak nocauteou Jared Vanderaa no 2º round.

Mais em UFC