Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

UFC

Rival elogia Pantoja, mas aposta que estilo agressivo do brasileiro será sua “ruína”

Após passar por uma cirurgia no ombro que o deixou afastado do octógono por cerca de nove meses, Brandon Royval faz seu retorno neste sábado (21), no card do UFC Vegas 34. Pela frente, o peso-mosca (57 kg) terá o brasileiro Alexandre Pantoja, a quem reconhece como um perigoso adversário.

Durante o media day do UFC Vegas 34, Royval teceu elogios ao estilo agressivo apresentado por Pantoja em suas lutas, admitindo que isso lhe causa preocupação. Porém, na visão do americano, ao mesmo tempo em que o jogo do brasileiro o transforma em um perigo constante, pode também abrir brechas a serem exploradas por ele no decorrer do combate.

“Tudo que ele faz me preocupa, cara (risos). Ele não faz nada de forma leve. Eu vi as lutas dele repetidamente e eu não acho que vi um jab ou qualquer coisa que não seja para apagar a sua luz (nocautear)”, brincou Royval, antes de completar.

“A mentalidade dele e tudo que ele faz é construído para finalizar ou nocautear alguém. Um, eu respeito isso e eu gosto bastante disso nele. É isso que ele tem a oferecer – uma vontade de realmente lutar, sabe? Eu acho que isso é o que o torna forte e também acho que isso vai acabar sendo a ruína dele na minha luta”, projetou o americano.

Atual sexto colocado no ranking dos pesos-moscas, Brandon Royval iniciou sua trajetória no UFC com duas vitórias convincentes sobre Tim Elliott e Kai Kara-France, mas viu sua ascensão ser freada ao perder do americano Brandon Moreno, em novembro do ano passado, em duelo que foi definido após o americano sofrer uma lesão no ombro, que posteriormente o obrigou a passar pela mesa de cirurgia.

Por sua vez, Alexandre Pantoja ocupa a terceira posição no ranking dos moscas. Já consolidado como um dos principais lutadores da categoria, o brasileiro vem de vitória sobre Manel Kape, em fevereiro deste ano, e busca, com um novo resultado positivo, se aproximar definitivamente de uma disputa pelo cinturão da divisão até 57 kg do UFC.

Mais em UFC