Siga-nos
Leandro Bernardes / PxImages

UFC

Ponzinibbio alega diferença de tratamento e dispara contra ranking do UFC: “Palhaçada”

Após ficar mais de dois anos afastado dos octógonos, em razão de sérios problemas de saúde, Santiago Ponzinibbio faz seu aguardado retorno no próximo dia 16, no primeiro evento do UFC no ano, que será realizado na ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU). No entanto, o argentino admite que a alegria pela volta contrasta com a insatisfação de ter de recomeçar praticamente do zero sua caminhada em busca do título.

Antes do hiato em sua carreira, Santiago ostentava sete vitórias consecutivas e, consequentemente, um lugar no top 15 da divisão dos meio-médios (77 kg) do Ultimate. Como de praxe, porém, a entidade retirou o nome de Ponzinibbio do ranking devido à longa inatividade, fato que provocou a irritação do argentino, que alega desigualdade de tratamento por parte do UFC.

Em entrevista ao site ‘Sherdog’, Ponzinibbio citou o caso do peso-pena (66 kg) Brian Ortega, que, apesar de também passar um longo período afastado das competições, não foi retirado do ranking de sua categoria, para justificar sua insatisfação. O argentino ainda reclamou do fato de encarar em seu retorno um lutador não ranqueado – o chinês Li Jingliang -, ao contrário de Ortega, que voltou à ativa diante de um adversário renomado.

“Eles me removeram (do ranking). Brian Ortega lutou três semanas depois de mim e ele ainda está no ranking, e ele foi o main event (contra o ‘Zumbi Coreano’). Eu perguntei, por que ele ainda está no ranking apesar da inatividade? Por que ele recebe um main event e eu um oponente não ranqueado, em Jingliang?”, questionou Santiago, antes de completar.

“Olha, eu amo Brian Ortega. Eu acho que ele merece isso, ele mostrou ao mundo que merece isso, ele venceu o cara e tomara que ele se torne campeão. Eu não tenho nada contra ele. É apenas que nossas situações são muito similares. Por essa razão, eu repito, eu acho que os rankings são uma palhaçada. Eu vou dentro do cage e faço meu trabalho. É isso. Eu represento minha cultura e meu povo da Argentina e da América Latina, e eu faço um show no cage”, desabafou o meio-médio.

Ex-participante da segunda temporada da versão brasileira do reality show ‘The Ultimate Fighter’, Santiago Ponzinibbio iniciou sua trajetória no UFC em novembro de 2013. Desde então, o argentino soma nove vitórias e apenas duas derrotas dentro do octógono. O meio-médio faz seu aguardado retorno no dia 16 de janeiro, no UFC Fight Island 7, diante do chinês Li Jingliang.

Mais em UFC