Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Peña mostra confiança para revanche com Amanda: “Veremos quem tem ovários maiores”

Julianna Peña possui um objetivo em mente para atuar neste sábado (30): provar que não foi sorte sua vitória contra Amanda Nunes, em dezembro. No UFC 277, evento que acontece no Texas (EUA), a campeã do peso-galo (61 kg) coloca o título da categoria em jogo pela primeira vez diante da brasileira, em revanche imediata, e está disposta a comprovar sua superioridade no octógono. Tanto que a atleta mostra confiança de que vai repetir o feito.

Na primeira luta, a americana, apontada como grande ‘zebra’ pelas casas de apostas, ignorou tal status e chocou o mundo. No round inicial, Julianna sofreu com a agressividade e com o poder de Amanda, mas suportou o sufoco e, quando a rival cansou, não desperdiçou a oportunidade e a finalizou no segundo assalto. Agora, como campeã do peso-galo do UFC, ‘The Venezuelan Vixen’ informa que não se sente pressionada por alcançar o topo da categoria.

Pelo contrário, empolgada com o surpreendente triunfo, Peña assegura que o resultado prova seu alto nível no esporte e lhe motiva a calar os críticos, que ainda classificam a brasileira como melhor lutadora, mesmo com a derrota em dezembro. Sendo assim, a campeã do peso-galo do UFC garante que coragem e disposição não lhe faltam para encerar a rivalidade com Amanda com nova vitória, já que a esta não é um monstro, muito menos intocável, como parte da comunidade do MMA imagina.

“No final das contas, Amanda e eu somos as melhores lutadoras do mundo. Você está literalmente vendo as duas melhores lutadoras do mundo colidindo no sábado. Não posso dizer que vou tirar um coelho da cartola, só posso dizer que vou ficar de igual para igual com as melhores do mundo e vou dar o meu melhor. Veremos quais são os ovários maiores e estou disposta a apostar que são os meus. Estou pronta para apagar essa tocha. A tocha foi passada, eu a apaguei. Estou pronta para fechar este capítulo, pronta para seguir em frente. Com isso dito, é difícil para mim prever o que está no futuro e o que vai acontecer. Não levo essa luta com ânimo leve. Levo isso muito a sério”, declarou a campeã do UFC, no ‘media day’ do UFC 277.

Julianna Peña, de 32 anos, fez história no MMA. A americana venceu a 18ª edição do reality show ‘The Ultimate Fighter’, em 2013, e se tornou campeã do peso-galo do UFC, em 2021. ‘The Venezuelan Vixen’ iniciou sua trajetória no esporte em 2009, disputou 15 lutas, venceu 11 e perdeu quatro vezes. Seus triunfos mais importantes foram sobre Amanda Nunes, Cat Zingano, Jessica Eye e Sara McMann.

Mais em UFC