Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Parceiro de treino agradece Sterling por oferecer vagar cinturão a seu favor

Aljamain Sterling é um dos campeões mais recentes do UFC, mas já começa a flertar com a possibilidade de abrir mão de sua posição. No topo do peso-galo (61 kg), ‘The Funk Master’ iniciou seu reinado na categoria em março de 2021, defendeu o título pela primeira vez em abril, na Flórida (EUA), mas, como seu amigo e parceiro de treino Merab Dvalishvili cresceu na divisão, revelou que gostaria de ser substituído por ele. Ao tomar conhecimento da vontade do companheiro da ‘Serra-Longo Fight Team’, o georgiano agradeceu.

Recentemente, Sterling admitiu vagar o cinturão do peso-galo do UFC para o parceiro de treino ser campeão. O americano explica que vai apoiar a caminhada de Merab rumo ao topo da categoria, porque se trata de um profissional extremamente dedicado e que está preparado para assumir a responsabilidade de representar a Geórgia no mais alto nível na organização e no esporte.

Mas, vale pontuar que o americano só vai vagar o cinturão do peso-galo do UFC, caso o georgiano siga vencendo e chegue a uma disputa de título. De qualquer forma, ‘The Machine’ utilizou suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui) para expressar a admiração e o respeito por Sterling. Merab reconhece a importância de ‘The Funk Master’ em sua carreira e o classifica como um dos grandes responsáveis por sua evolução no MMA. Além disso, Aljamain também ajudou Dvalishvili a se adaptar aos Estados Unidos, em sua chegada ao país.

“Este homem. Sterling, vale ouro! Aprendo com ele todos os dias. Sou grato por chamá-lo de irmão”, escreveu o lutador em sua conta oficial no ‘Twitter’.

A parceria entre Aljamain Sterling e Merab Dvalishvili é vitoriosa. De um lado, o campeão do peso-galo do UFC venceu sete lutas seguidas e colocou em seu cartel nomes como Brett Johns, Cody Stamann, Cory Sandhagen, Jimmie Rivera, Pedro Munhoz e Petr Yan (duas vezes). Do outro, o número seis no ranking da categoria, que impressiona no octógono por conta de sua pressão incessante, possui triunfos marcantes sobre Casey Kenney, Cody Stamann, John Dodson e Marlon Moraes.

Mais em UFC