Siga-nos
Diego Ribas

UFC

Nova sensação do UFC rouba a cena em primeira ‘mega coletiva’ desde início da pandemia

Realizada nesta quinta-feira (17) nas dependências do UFC Apex, a coletiva de imprensa do UFC Las Vegas 11 contou com a primeira reunião em peso de atletas em um mesmo encontro com os jornalistas. Ao todo, seis lutadores que farão o card principal deste sábado estiveram presentes ao mesmo tempo na cerimônia mediada por Dana White, presidente do show.

Realizada um mês atrás, a coletiva de imprensa de promoção do duelo entre Daniel Cormier e Stipe Miocic contou com a presença dos dois atletas e de Dana White, o que já representou um marco àquela altura época. Para este show, a importância dos combates do card principal aliada ao protocolo de segurança contra a expansão da COVID-19 garantiram confiança para a iniciativa.

“Claro, o main event é incrível, eles não gostam um do outro. Mas o card principal inteiro é incrível, então decidi fazer isso (coletiva) com o card principal. O card inteiro tem lutas boas, e lutas importantes. Senti que queria colocar luz no undercard foi o jeito que encontramos”, decretou Dana, no início da coletiva.

Curiosamente, a cerimônia foi dominada pela jovem sensação Khamzat Chimaev. Aos 28 anos, o invicto sueco, que encara Gerald Meerschaert neste sábado, manteve o estilo provocador e não se furtou de provocar o adversário

“Não me importo com isso (fama de provocador). Gera mais dinheiro quando olham para mim (risos)”, afirmou, antes de mirar sua artilharia para Meerschaert . “Como você pode ser finalizado por alguém que não é faixa preta? Então você não é. Para mim, não faz sentido”.

Por sua vez, seu rival relatou de forma curiosa um incidente que eles tiveram no hotel em que estão isolados à espera do evento. Como o uso de máscaras é obrigatório, o atleta garante que não entendeu a maioria das ameaças proferidas por Chimaev durante o encontro.

“Eu não entendi o que ele falou no começo, estávamos usando máscaras.E eu disse: ‘Ok, ok’. Depois alguém me disse que ele estava dizendo que ia esmagar minha cabeça”, relatou, enquanto era interrompido a todo momento pelo sueco.

Na mesma coletiva, a nova sensação do UFC voltou a deixar claro que pretende se apresentar o máximo de vezes e contra atletas cada vez renomados. Vale lembrar que seu nome é cotado para um confronto com Demian Maia. Mas, claro, ele precisa vencer Gerald Meerschaert antes.

Mais em UFC