Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Michael Chandler descarta luta contra Dustin Poirier no UFC: “Esqueci dele”

Michael Chandler foi um dos destaques do UFC 274 e com isso se aproximou de disputar o título do peso-leve (70 kg) novamente. No evento realizado no ultimo sábado (7), no Arizona (EUA), ‘Iron’ voltou ao caminho das vitórias ao nocautear Tony Ferguson de forma brutal e passou a mirar grandes lutas para a sequência de sua carreira. No entanto, o ex-campeão do Bellator já descarta encarar um dos nomes mais importantes da divisão.

Em entrevista ao site ‘MMA Fighting’, Chandler surpreendeu ao negar interesse em enfrentar Dustin Poirier no UFC. De acordo com o atleta, sua postura nada mais é do que uma resposta ao constante desprezo que ‘The Diamond’ mostra ter por sua pessoa. Curiosamente, após o wrestler impressionar diante de Ferguson, o ex-campeão interino do peso-leve da companhia provocou o profissional ao questionar o motivo do mesmo não ter mencionado seu nome como potencial adversário. Vale lembrar que, quando atuava no Bellator, Michael citava Dustin como uma das grandes lutas a fazer no esporte. Mas, ao que parece, o lutador mudou de ideia.

“Sinceramente, não tenho interesse em lutar contra Poirier. Para ser bem honesto, acho que ele é um grande cara. Gosto dele pelo esporte, mas também fui completamente desconsiderado por ele, deixado de lado quando entrei na organização. Ele agiu como se eu não merecesse estar onde estava. Talvez seja mais uma questão pessoal. Poirier é um nome atrativo? Ele é o número dois no ranking do UFC agora, mas meio que ficou em segundo lugar e não sei o quão ativo ele será. Eu o vi twittar que eu estava dizendo o nome de todos, menos o dele, como se eu não quisesse lutar com ele por razões técnicas, mas é mais como se eu tivesse esquecido dele. Tirei meu chapéu pelo que ele fez em sua carreira. Eu o respeito muito, ele faz um ótimo molho picante, mas, a partir de agora, realmente não tenho nenhum desejo de lutar com ele”, declarou o ex-campeão do Bellator.

Michael Chandler, de 36 anos, venceu a segunda luta no UFC e, em seguida, desafiou Charles Oliveira, Conor McGregor, Justin Gaethje e até Nate Diaz. Pela companhia, ‘Iron’ nocauteou Dan Hooker e Tony Ferguson. Atualmente, o americano ocupa o quinto lugar no ranking do peso-leve da organização.

Mais em UFC