Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Leon Edwards responde ‘Durinho’ com provocação: “Nocauteado por um jab”

A guerra entre os meio-médios (77 kg) do UFC está longe de terminar. Desta vez, o personagem central é Leon Edwards. Após vencer Nate Diaz sem brilho na edição de número 263, realizada em junho, no Arizona (EUA), o inglês foi criticado por parte dos fãs e demais atletas por não conseguir definir a luta e, sendo assim, Gilbert ‘Durinho’ cravou que ‘Rocky’ perdeu a chance de disputar o título da categoria. Contrariado, o lutador respondeu o brasileiro.

Em suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui), Edwards fez pouco caso de ‘Durinho’ e lembrou da derrota do rival para Kamaru Usman, em fevereiro. Na ocasião, o brasileiro chegou a assustar o campeão dos meio-médios do UFC no primeiro round, porém o nigeriano resistiu, virou o combate na base dos jabs e nocauteou o ex-parceiro de treino no terceiro assalto.

A rivalidade entre ‘Durinho’ e Edwards foi iniciada em 2020 e ganhou força quando a dupla passou a integrar o top-5 dos meio-médios do UFC. Depois que o brasileiro passou por Tyron Woodley e Dana White o confirmou como desafiante da categoria, ‘Rocky’ condenou a escolha da organização. Imediatamente, o especialista em jiu-jitsu se posicionou e frisou que o inglês deveria voltar a atuar, antes de se preocupar com os demais atletas. Desde então, o clima entre os profissionais é hostil.

“Você foi nocauteado por um jab #SemQueixoBurns”, escreveu Edwards em sua conta oficial no ‘Twitter’.

Atualmente, Gilbert Burns e Leon Edwards se encontram em segundo e terceiro lugar no ranking dos meio-médios do UFC, respectivamente. A curiosidade é que os tops da divisão enfrentaram Kamaru Usman e foram derrotados. Inclusive, o campeão da categoria foi o último profissional que superou a dupla.

Mais em UFC