Siga-nos
Natassia del Fischer/PxImages

UFC

Julianna Peña desafia Amanda Nunes e provoca: “Lute ou largue o cinturão”

No UFC 259, evento que aconteceu no último sábado (6), em Las Vegas (EUA), Amanda Nunes confirmou o favoritismo ao vencer Megan Anderson e recebeu elogios da comunidade do MMA, mas não de Julianna Peña. A americana aproveitou a grandiosidade da atração para cavar uma luta contra a campeã do peso-galo (61 kg) por meio de suas redes sociais e a iniciativa agradou Dana White.

Em entrevista à ‘ESPN’ americana, Julianna desafiou Amanda e iniciou um ‘trash talk’ pesado. ‘The Venezuelan Vixen’ lembrou que a trajetória da brasileira no peso-pena (66 kg) travou o desenvolvimento do peso-galo e deu um ultimato. Tal postura destemida, inclusive, já faz com que a lutadora se diferencie das recentes adversárias da ‘Leoa’.

“Esqueça Holm. Quero lutar pelo cinturão. O título dos galos não é defendido há mais de um ano. Se Amanda não vai lutar, libere o cinturão e saia daqui, deixe outra pessoa lutar por ele. Se ela quiser ficar gorda, nos penas, faça isso. Todas as lutadoras que atuam nos penas podem lutar nos galos. Elas podem bater o peso, mas são preguiçosas e não querem cortar. O peso-galo é onde as lutas acontecem. Ninguém se importa com os penas, a categoria está morta, acabada. Amanda age como se tivesse limpado a categoria, mas não fez isso. Eu ainda estou aqui, de pé o tempo todo”, provocou a americana.

Originalmente, Julianna Peña lutaria contra Holly Holm, em duelo que poderia definir a próxima desafiante do peso-galo do UFC. Como a ex-campeã da categoria saiu do combate, ‘The Venezuelan Vixen’ aproveitou o cenário para desafiar Amanda Nunes. Ao tomar conhecimento do posicionamento da atleta, Dana White admitiu que a luta entre as tops da divisão lhe agrada e faz sentido.

Mais em UFC