Siga-nos
Leandro Bernardes / PxImages

UFC

Jon Jones se pronuncia após ser afastado de equipe por treinador: “É doloroso”

Não demorou muito para Jon Jones se pronunciar após sua saída da ‘Jackson Wink MMA Academy’. Nesta quarta-feira (13), Mike Winkeljohn, treinador da renomada equipe localizada em Albuquerque (EUA), anunciou, no programa ‘The MMA Hour’, que o ex-campeão do UFC foi afastado por conta da recente polêmica que protagonizou em Las Vegas (EUA), em setembro, e que resultou em sua prisão. Imediatamente, ‘Bones’ se posicionou por meio de suas redes sociais.

Através de um post já deletado de seu perfil oficial no ‘Twitter’, Jones informou que, de fato, conversou com o treinador e lamentou a decisão tomada pelo mesmo de afastá-lo da equipe por conta de seu comportamento fora das lutas. O que ocasionou o rompimento da relação entre as partes foi o episódio no qual o ex-campeão do UFC foi acusado de praticar violência doméstica, agressão e violação de um veículo da polícia.

Curiosamente, tais atos aconteceram horas depois de Jones ser homenageado pelo UFC, ao ser integrado no ‘Hall da Fama’ da organização. Também vale lembrar que ‘Bones’ integra a ‘Jackson Wink MMA Academy’ desde o início de sua carreira na modalidade e a parceria profissional foi uma das mais bem-sucedidas da história do esporte. Tanto que o lutador se mostrou chateado com a atual situação que se encontra.

“Tive uma conversa comovente por telefone com um de meus treinadores de longa data na noite passada. É realmente doloroso perder o apoio de alguém que eu tanto respeito. Meu sincero obrigado aos demais treinadores por permanecerem na luta comigo. Nossa jornada continua”, declarou o ex-campeão do UFC.

Ainda sobre o episódio em Las Vegas (EUA), Jon Jones terá que comparecer a uma audiência no final de outubro. Atento ao que acontece com o atleta, Dana White, líder do UFC, avisou que vai monitorar o quadro e criticou a estrela do MMA por perceber que precisa largar o álcool tarde demais. Após protagonizar mais um problema com a lei, ‘Bones’ admitiu que precisa superar o vício e prometeu parar de beber.

Mais em UFC