Siga-nos

UFC

Jéssica ‘Bate-Estaca’ celebra feito inédito no UFC e abre portas para lutar no peso-pena

Após construir toda sua trajetória no Ultimate atuando no peso-galo (61 kg) e no peso-palha (52 kg), onde chegou a se sagrar campeã, Jéssica ‘Bate-Estaca’ inicia um novo capítulo de sua história na organização neste sábado (17). Diante da americana Katlyn Chookagian, no co-main event do UFC ‘Fight Island 6’, a brasileira faz sua estreia no peso-mosca (57 kg), se tornando a primeira lutadora a competir em três categorias diferentes na história da entidade.

Em conversa com a imprensa durante o media day (veja acima ou clique aqui), ‘Bate-Estaca’ celebrou o feito inédito e ressaltou seu compromisso de estar sempre pronta para qualquer desafio oferecido pela organização, seja em qual categoria for. A paranaense ainda sugeriu um possível teste futuro no peso-pena (66 kg), divisão mais pesada do plantel feminino do UFC e única pela qual Jéssica não terá competido depois desse sábado.

“Três categorias diferentes, batendo mais um recorde. Isso é muito bom. Saber que eu tenho feito esse trabalho no UFC e que onde eles precisarem de mim, eu vou estar. Quem sabe mais para frente eu não possa lutar no 66 (peso-pena). Eu desafio tudo, eu gosto de desafios, e estou pronta para fazer o que precisar pela empresa. Mais um recorde pela frente, três categorias diferentes. Isso vai ser inovador”, comentou Jéssica.

Ex-campeã peso-palha, Jéssica estreia nos moscas contra Katlyn Chookagian, primeira colocada no ranking da divisão até 57 kg, neste sábado. Uma vitória sobre a americana pode deixar a brasileira próxima de uma disputa pelo título da nova categoria, que atualmente é dominada pela quirguistanesa Valentina Shevchenko.

Mais em UFC