Siga-nos
Divulgação/UFC

UFC

Japonesa mostra raio-x de cotovelo deslocado que decretou vitória de Virna Jandiroba

No último sábado (19), a japonesa Kanako Murata sofreu a primeira derrota em sua ainda curta passagem pelo UFC, ao ser obrigada a desistir do combate contra Virna Jandiroba, no intervalo entre o segundo e o terceiro round, por conta de uma lesão no braço. Através de sua conta oficial no ‘Instagram’ (veja abaixo ou clique aqui), a ex-campeã peso-palha (52 kg) do Invicta FC atualizou seus fãs sobre seu estado e agradeceu o apoio do Ultimate, além de prometer voltar “mais forte”.

Pelas imagens de raio-x compartilhadas pela lutadora asiática, é possível ver que a mesma teve o cotovelo esquerdo deslocado já colocado no lugar pela equipe médica do hospital para o qual foi transportada. A lesão ocorreu ainda no primeiro round da peleja contra Jandiroba, em virtude de uma justa chave de braço aplicada pela brasileira.

Além de não bater em sinal de desistência, Kanako Murata ainda lutou todo o segundo round com o braço esquerdo lesionado, até que o médico do UFC decretasse o fim do combate no intervalo para o último assalto.

“Obrigada pelo seu generoso apoio, UFC. Eu vou ser mais forte e voltar”, escreveu Murata na legenda da publicação em sua conta no ‘Instagram’.

Atuando como profissional no MMA desde 2016, Kanako Murata soma agora 12 vitórias e duas derrotas em seu cartel. A ex-campeã do Invicta FC havia estreado com o pé direito no UFC ao superar a experiente Randa Markos, em novembro do ano passado, na decisão unânime dos juízes. Por sua vez, Virna Jandiroba – 13ª colocada no ranking peso-palha da organização – se recuperou após perder o último compromisso para Mackenzie Dern, e chegou ao terceiro triunfo em cinco combates disputados no octógono mais famoso do mundo.

Mais em UFC