Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Hall zomba do jiu-jitsu de ‘Sergipano’ após derrota: “Não finalizou um faixa-azul”

Uriah Hall não apresentou bom desempenho no UFC 276, mas não perdeu a pose. No último sábado (2), em Las Vegas (EUA), o americano enfrentou André Muniz e foi derrotado por decisão unânime após 15 minutos de luta. Com o revés, o veterano caiu três posições no ranking do peso-médio (84 kg) da companhia e viu o algoz subir na tabela de classificação. Mas, mesmo derrotado, ‘Prime Time’ provocou ‘Sergipano’.

O encontro dos atletas no UFC 276 era o clássico duelo de estilos entre grappler e striker. Especialista na luta agarrada, ‘Sergipano’ usou e abusou de sua experiência na área para controlar Hall, que resistiu como pôde. No final, os juízes laterais classificaram o brasileiro como superior nos três rounds. Mas, mesmo sem oferecer riscos ao rival, o americano não ficou impressionado com a qualidade do carrasco.

Em suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui), o veterano minimizou a eficácia do jiu-jitsu de ‘Sergipano’. Vale pontuar que parte da comunidade do MMA projetava uma possível vitória do brasileiro por finalização, já que este é faixa-preta da arte suave e ‘Prime Time’ não é conhecido pelo alto nível no grappling. Contudo, Hall conseguiu sobreviver ao chão do algoz, que finalizou até Ronaldo ‘Jacaré’, e sinalizou que o mesmo deve aperfeiçoar seu jogo para ir além no UFC.

“O jogo da luta pode ser bonito, mas também extremamente brutal. A parte mais chata desse esporte também pode ser a parte necessária para o crescimento. Devo comemorar minhas vitórias, mas também aprender com minhas derrotas. Mais importante, mal posso esperar para dizer aos meus filhos que levei uma surra e continuei tentando. Ninguém bate mais forte do que a vida e eu ainda estou de pé. Parabéns ao campeão faixa-preta de jiu-jitsu André por não conseguir nem finalizar um faixa-azul. Eu também teria aguentado pela preciosa vida. Tudo bem, vamos para a próxima”, escreveu o veterano em sua conta oficial no ‘Instagram’.

Uriah Hall, de 37 anos, integra o UFC desde 2013 e é presença constante no top-15 do peso-médio. Pela maior organização de MMA do mundo, o veterano disputou 19 lutas, venceu dez e perdeu nove vezes. Seus triunfos mais importantes foram sobre Anderson Silva, Antônio ‘Cara de Sapato’, Chris Weidman, Gegard Mousasi, Krzysztof Jotko e Thiago ‘Marreta’. Atualmente, ‘Prime Time’ é o 12º colocado no ranking da categoria.

Mais em UFC