Siga-nos
UFC/ Divulgação

UFC

TJ Dillashaw vence batalha sangrenta em retorno após gancho por doping

Luta principal do UFC Vegas 32, evento realizado neste sábado (24), a disputa entre TJ Dillashaw e Cory Sandhagen marcava o retorno do ex-campeão dos pesos-galos (61 kg) ao evento após mais de dois anos afastado das competições. Flagrado em um exame antidoping, TJ agora tem a missão de provar que o ápice de sua carreira não foi conquistado sob o uso de substâncias. E seu objetivo começou a ser alcançado, ao menos neste show.

Mais alto e dono de jogo de pernas velozes, Sandhagen se mostrou um grande desafio para o veterano de 35 anos depois de tanto tempo afastado das competições. Apostando na precisão de seus jabs e diretos de encontro, o número dois do ranking da categoria não se importou em ver o rival dominar o centro do cage e investiu em uma disputa mais desgastante fisicamente.

Desta forma, Dillashaw precisou caminhar para frente o tempo inteiro para minimizar a diferença de envergadura, e a partir do momento que ele conseguia chegar na média distância, quedas passavam a fazer parte de sua estratégia. A esforço expôs seu rosto ao longo dos cinco assaltos, o que rapidamente garantiu um enorme corte no seu supercílio direito.

Banhado de sangue desde o segundo assalto, Dillashaw usou de sua experiência para conter os momentos de supremacia do rival e cadenciar o ritmo com clinches junto à grade. Com menos espaço do que o usual, uma vez que o cage do UFC Apex é menor, Sandhagen terminou derrubado em ocasiões importantes, além de sofrer com os chutes baixos que ditaram os avanços do ex-campeão. Uma luta eletrizante que foi decidida de forma dividida. 2x 1 para TJ Dillashaw.

Com o resultado, o ex-campeão ampliou seu cartel profissional para 17 vitórias e quatro derrotas. Por sua vez, Sandhagen sofreu o terceiro tropeço no esporte.

Confira os resultados do UFC Vegas 32:

T.J. Dillashaw venceu Cory Sandhagen por decisão dividida;
Raulian Paiva venceu Kyler Phillips por decisão majoritária;
Darren Elkins nocauteou Darrick Minner no 2º round;
Maycee Barber venceu Miranda Maverick por decisão dividida;
Adrian Yanez nocauteou Randy Costa no 2º round;
Brendan Allen venceu Punahele Soriano por decisão unânime;
Nassourdine Imavov nocauteou Ian Heinisch no 2º round;
Mickey Gall finalizou Jordan Williams no 1º round;
Julio Arce nocauteou Andre Ewell no 2º round;
Sijara Eubanks nocauteou Elise Reed no 1º round;
Diana Belbita venceu Hannah Goldy por decisão unânime.

Mais em UFC