Siga-nos
Rigel Salazar/PxImages

UFC

Covington detalha origem da rivalidade com Poirier: “Virou as costas para mim”

Ao longo de sua trajetória no UFC, Colby Covington se firmou como um dos melhores lutadores nos meio-médios (77 kg), mas também conquistou inúmeros desafetos. Uma das inimizades do ex-campeão interino da categoria é Dustin Poirier. A história entre a dupla é antiga, mas ‘Chaos’ segue inconformado com ela até hoje.

Em entrevista ao site ‘The Daily Wire’, Covington explicou a origem da rivalidade com Poirier. No passado, os atletas treinaram juntos na ‘American Top Team’ e até possuíam uma proximidade. No entanto, como alcançaram o sucesso no MMA no peso-leve (70 kg) e nos meio-médios, os lutadores seguiram caminhos opostos e a relação se deteriorou.

Enquanto ‘Chaos’ optou por se transformar em um personagem disposto a atacar tudo e todos para permanecer em destaque nos noticiários e entre os fãs, ‘The Diamond’ adotou o papel de bom moço. Contudo, Covington indicou que isso é apenas fachada e que esconde o verdadeiro Poirier. Irritado, o ‘bad boy’ cravou que ele e Jorge Masvidal foram os principais responsáveis por sua saída da ‘American Top Team’. Tanto que já se colocou à disposição para acertar as contas com os desafetos no octógono.

“Temos uma história de quase dez anos. Costumávamos treinar em uma academia no sul da Flórida. Foi sangue, suor e lágrimas por dez anos juntos, eu o ajudei tantas vezes. Lembro que o ajudava com o contrato o tempo todo, porque eu estava um pouco à frente e ele perguntava sobre o valor do meu pagamento, quanto eu ganharia. Eu o ajudei a ser um lutador completo e um dia ele decidiu virar as costas para mim”, declarou ‘Chaos’, antes de completar.

“Ele age como ‘Se não estou treinando com você, não vou te ajudar’. Eu ia lutar contra Lawler, que é uma lenda no UFC, mas ele não quis treinar comigo, falou que não queria ter nada a ver comigo, que não gosta do meu caráter e que queria que eu fosse expulso da academia. Ele começou a falar disso para o dono da academia e disse ‘Eu quero ele fora’. Ele foi uma das razões pelas quais fui forçado a deixar minha antiga academia. Portanto, temos uma história muito ruim. Não tenho nada de bom a dizer sobre ele”, concluiu.

A rivalidade de Colby Covington com Dustin Poirier e Jorge Masvidal teve início quando foram companheiros de time na ‘American Top Team’. Após ataques verbais e, até mesmo, ameaças de agressão entre o meio-médio e seus inúmeros desafetos, o clima ficou ainda mais hostil, culminando na saída de ‘Chaos’ da equipe. Inclusive, tal decisão foi comemorada por parte dos integrantes da academia.

Mais em UFC