Siga-nos
Dan Wainer/Ag Fight

UFC

Cejudo provoca Dillashaw e abre as portas para revanche: “Dinheiro fácil para mim”

Depois de cumprir dois anos de suspensão por doping, TJ Dillashaw fez seu aguardado retorno no último sábado (24) e, com uma atuação acima das expectativas, levando-se em conta o longo período afastado dos octógonos, derrotou Cory Sandhagen, na decisão dos juízes, pelo main event do UFC Vegas 32. Apesar do bom desempenho do veterano ter chamado a atenção de boa parte da comunidade do MMA, um antigo conhecido do ex-campeão peso-galo (61 kg) não parece ter se impressionado da mesma forma.

Em resposta a um comentário feito por seu empresário – Ali Abdelaziz – no ‘Twitter’ (veja abaixo ou clique aqui), Henry Cejudo – responsável pela última derrota de Dillashaw – se mostrou confiante de que pode repetir o feito contra a nova versão do rival.

O ex-campeão peso-mosca (57 kg) e peso-galo do Ultimate ainda sugeriu que uma hipotética revanche contra TJ se resolveria de forma ainda mais rápida do que o primeiro combate entre eles, que se encerrou aos 32 segundos de luta, com vitória de Cejudo por nocaute técnico.

“Dinheiro fácil para mim! Eu fui generoso de dar a ele uma surra de 32 segundos. Eu não vou ser tão generoso na próxima vez”, provocou Henry Cejudo.

Aposentado desde maio do ano passado, Henry Cejudo nunca fechou completamente as portas para uma possível volta ao Ultimate. De fato, o ‘Triple C’ constantemente provoca atletas da ativa e flerta com hipotéticos confrontos que marcariam seu retorno à ação.

A rivalidade com TJ Dillashaw vem de quando ambos se enfrentaram em disputa pelo cinturão peso-mosca, à época sob posse de Cejudo. Dillashaw, que era o campeão dos galos, desceu para buscar a conquista de um segundo título do UFC, mas acabou nocauteado em 32 segundos por ‘Triple C’.

Além da derrota, Dillashaw foi flagrado no exame antidoping, sendo suspenso por dois anos pela USADA (agência antidoping americana) e, consequentemente, perdendo seu cinturão peso-galo, que posteriormente foi conquistado justamente por Cejudo.

Mais em UFC