Siga-nos
Natassia del Fischer/PxImages

UFC

Alexander Volkanovski se coloca na briga pelo status de melhor peso-pena da história

Assim como a maioria das categorias do MMA, a divisão dos pesos-penas (66 kg) também conta com uma interna disputa sobre qual atleta merece o posto de melhor da história. Para parte dos fãs, membros da imprensa e competidores, José Aldo e Max Holloway lideram a corrida, porém, aos poucos, Alexander Volkanovski também entra no páreo. Inclusive, o atual campeão já se colocou na discussão.

Ciente da grande fase que vive em sua carreira, Volkanovski afirmou que é apenas uma questão de tempo para que a comunidade do MMA o reconheça como melhor peso-pena da história do esporte. O registro do número um da categoria, de fato, impressiona, já que ele possui vitórias sobre grandes nomes da modalidade, incluindo ex-campeões, e permanece invicto no UFC, com nove triunfos pela organização.

No entanto, apesar do excelente retrospecto, o australiano ainda não caiu nas graças do público por conta de seu estilo de luta e recebeu críticas por ter superado Max Holloway de forma polêmica, em julho de 2020. ‘The Great’ mostrou ter conhecimento da visão dos fãs e prometeu mudar tal impressão na próxima vez que subir ao octógono.

“Na minha próxima luta, tudo vai mudar. Você olha para meu currículo e venci lutadores como Mendes, Aldo, Holloway e as pessoas agem como se houvesse rivalidade. Respeito todos esses lutadores, até mesmo Holloway. As pessoas falam sobre a última luta de Holloway e isso prova que ele ainda está no auge, mas estou 2-0 contra ele no auge. Isso só mostra em que nível estou”, disse Volkanovski ao site ‘MMA Junkie’.

“Aldo estava com boa sequência, eliminando os candidatos e o venci. Eu entendo as defesas que Aldo tem e você precisa defender o cinturão, eliminar os adversários para se solidificar como o melhor. Eu entendi e estou em uma posição muito boa. Vencer os lutadores que venci e o quão respeitados são, definitivamente, mostra que estou na disputa. Com algumas defesas, estou perseguindo o status de melhor. Não tenho nada além de respeito por todos, mas vou assumir a posição de número um e não vai demorar muito até que as pessoas percebam isso”, concluiu.

É bem verdade que Alexander Volkanovski venceu Max Holloway duas vezes, ou seja, destronou o havaiano e realizou sua primeira defesa de cinturão no peso-pena sobre o rival. Contudo, Dana White não descartou realizar a trilogia entre os atletas. O cartola justificou sua posição ao mencionar o equilíbrio visto no segundo embate entre campeão e desafiante e ao destacar o domínio de ‘Blessed’ diante de Calvin Kattar no primeiro evento realizado pelo UFC na temporada 2021, em janeiro, na ‘Ilha da Luta’.

Mais em UFC