Siga-nos
Matt Davies/PxImages

UFC

Adesanya admite ‘noite ruim’ e se defende de críticas após vitória sobre Cannonier

Israel Adesanya confirmou o favoritismo ao vencer no UFC 276, mas não convenceu uma parte da comunidade do MMA. No último sábado (2), em Las Vegas (EUA), o campeão do peso-médio (84 kg) não correu riscos, controlou Jared Cannonier e prolongou seu reinado na categoria, porém recebeu mais críticas do que elogios de uma parcela dos fãs. Ciente de que sua atuação não foi empolgante, o nigeriano se pronunciou.

Na coletiva de imprensa pós-evento, Adesanya concordou que poderia ter performado melhor e admitiu que teve uma ‘noite ruim’ de trabalho. Vale lembrar que, antes do UFC 276 acontecer, o campeão do peso-médio prometeu vencer Cannonier de forma impressionante. É bem verdade que, no octógono, o nigeriano mostrou toda sua experiência em lutas grandiosas e técnica, mas focou em pontuar no duelo, ao invés de nocautear o oponente.

Apesar de reconhecer que atuou abaixo do esperado, ‘The Last Stylebender’ também classificou as críticas que recebeu como injustas, uma vez que tinha um adversário de valor e poderoso em sua frente. Inclusive, essa não foi a primeira vez que o astro do MMA deixou parte dos fãs do esporte insatisfeita com sua performance. Chateado com as vaias, Adesanya faz questão de lembrar que campeões dominantes nem sempre vão dar show nos combates e que não lutam para agradar o público e sim para vencer e permanecer no topo.

“Eu já disse isso antes, ‘No meu pior dia, posso matar o melhor adversário’. Tive uma noite de folga esta noite. E continuo, eu ainda ferrei com Cannonier. Ele estava se adaptando bem. Fod**-se eles. Eles estão aqui desde as 15h, estão todos bêbados, não sabem o que é uma luta de verdade. Já disse isso, os grandes, todos eles chegam a este ponto. Anderson Silva, GSP, as pessoas vaiavam eles e eu ficava tipo, ‘Que po*** vocês estão assistindo? Seus idiotas de mer**’. Muhammad Ali, Floyd Mayweather, a mesma coisa. Você chega a esse ponto em que você é tão bom que as pessoas só querem ver você cair. Eles só querem ver você cair, não importa. Se não for um show, uma performance espetacular, então é tipo, ‘Ah, ele nem é tão bom assim’. Mas acredite, Cannonier sabe que sou um bom lutador. Ele sabe que sou um grande lutador e também dou a ele o mesmo crédito”, declarou o campeão do UFC.

Israel Adesanya, de 32 anos, é um dos maiores e melhores lutadores de MMA da atualidade. O campeão do peso-médio do UFC estreou pela companhia em 2018 e defendeu o título da categoria cinco vezes. Na divisão, o nigeriano segue invicto. Seus principais triunfos foram sobre Anderson Silva, Brad Tavares, Derek Brunson, Jared Cannonier, Kelvin Gastelum, Marvin Vettori (duas vezes), Paulo ‘Borrachinha’, Robert Whittaker (duas vezes) e Yoel Romero.

Mais em UFC