Siga-nos
Hosana Hull/Divulgação

Submission

Deu show! Brasileiro confirma favoritismo e fatura torneio absoluto de grappling

Realizada no último sábado (3), em Houston (EUA), a sexta edição do ‘Third Coast Grappling’ teve como destaque o GP absoluto (peso livre) com regras ‘No Gi’ (sem quimono). O torneio foi composto por oito lutadores, sendo quatro deles brasileiros e a outra metade americana. No final, Kaynan Duarte, peso-pesado de 23 anos, confirmou o favoritismo e faturou o cinturão da organização e 15 mil dólares (cerca de R$ 85 mil).

O torneio contou com a participação de atletas de alto nível na luta agarrada. Pela primeira fase do GP, Kaynan Duarte, Mason Fowler, Nick Rodriguez e Victor Hugo superaram Tex Johnson, Manuel Ribamar, Pedro Marinho e William Tackett, respectivamente. Na semifinal, Kaynan passou por Fowler e Victor derrotou Rodriguez.

A curiosidade é que, antes do GP ser realizado, a dupla foi apontada por parte dos fãs e membros da imprensa especializada como favorita para a conquista do título. Inclusive, o próprio Kaynan apostou que faria a final com o compatriota. No embate mais importante do show, o lutador venceu Victor, que levou para a casa cinco mil dólares (cerca de R$ 28 mil) pelo segundo lugar.

Além da vitória na sexta edição do ‘Third Coast Grappling’, o jovem Kaynan Duarte, de 23 anos e faixa-preta de jiu-jitsu, já possui grandes feitos em sua carreira no grappling. O brasileiro conquistou os títulos Mundial, do ADCC e também do Abu Dhabi World Pro. O paulista representa a ‘Atos Jiu-Jitsu Academy’, equipe liderada por André Galvão, e é um dos principais nomes de sua geração.

Mais em Submission