Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

Ranking

Mackenzie Dern é ultrapassada por algoz e deixa o top 5 do ranking peso-palha do UFC

Os últimos dias não foram bons para Mackenzie Dern. Após ser derrotada por Yan Xiaonan na luta principal do UFC Vegas 61, no sábado (1), a faixa-preta de jiu-jitsu também acabou sendo ultrapassada pela chinesa no ranking peso-palha (52 kg) da organização e, com isso, perdeu sua vaga no top 5 da lista.

Especialista na luta de solo, Dern até conseguiu levar o combate para sua área de preferência em alguns momentos da disputa, mas não foi capaz de finalizar a striker chinesa, que levou clara vantagem na trocação. Ao final dos cinco rounds, a brasileira não confirmou o favoritismo atribuído a ela pelas casas de apostas e acabou superada por Xiaonan na decisão majoritária dos juízes.

Na mais recente atualização de ranking do UFC, divulgada na segunda-feira (3), Mackenzie aparece na sexta posição entre as pesos-palhas. Enquanto isso, a lutadora asiática, que interrompeu uma sequência negativa de duas derrotas, retorna ao top 5 da categoria, ocupando agora o quinto lugar na classificação.

Se por um lado, a nova atualização dos rankings não foi boa para Mackenzie Dern, por outro, alguns representantes do ‘esquadrão brasileiro’ no UFC se beneficiaram e subiram algumas posições em suas respectivas categorias, mesmo sem lutar no evento do último final de semana. Este foi o caso, por exemplo, das atletas Mayra ‘Sheetara’ e Josiane Nunes, que ganharam uma vaga no top 15 do peso-galo (61 kg) feminino após as saídas de Aspen Ladd e Sara McMann da organização.

A retirada das duas lutadoras americanas do ranking dos galos também abriu espaço para a subida das brasileiras Karol Rosa e Norma Dumont na lista da categoria. As lutadoras tupiniquins já faziam parte do top 15 da divisão e ganharam duas posições cada uma.

Outro brasileiro que também ascendeu no ranking de sua categoria mesmo sem competir no UFC Vegas 61 foi Vicente Luque. O meio-médio (77 kg), que vem de duas derrotas consecutivas no octógono mais famoso do mundo, se beneficiou com a queda de Jorge Masvidal na classificação e, com isso, voltou ao top 10 do ranking de sua categoria.

Mais em Ranking