Poirier derrotou Dan Hooker no UFC Las Vegas 4 – Diego Ribas / PxImages

Apesar de ainda não ter uma data oficial, o duelo entre Khabib Nurmagomedov e Justin Gaethje, pela unificação do cinturão do peso-leve (70 kg) atrai a atenção de muitos lutadores do Ultimate. Um deles é Dustin Poirier, que já teve a oportunidade de enfrentar os dois dentro da organização, dessa maneira analisou esse confronto.

No último sábado (27), o americano derrotou Dan Hooker em uma luta eletrizante e pode novamente colocá-lo entre os postulantes ao topo da divisão e, por isso, olha com atenção para a luta valendo o título. Em declaração ao site ‘MMA Fighting’, Dustin opinou sobre como Gaethje pode surpreender e acabar com a invencibilidade de Khabib no MMA, que já dura 28 combates. Segundo o ex-campeão interino dos leves, seu compatriota tem que se manter longe da grade para evitar a pressão do europeu.

“Eu acho que se Gaethje puder manter a luta no meio do octógono, ele poderá causar alguns problemas a Khabib. Eu acho que vai ser difícil derrubá-lo no espaço aberto. Definitivamente, é difícil segurá-lo no espaço aberto. Mas Justin será capaz de manter as costas afastadas da grade, acertar os golpes e fazer Khabib trabalhar para fazer quedas em campo aberto? Essa é a grande questão”, explicou o americano.

Antes de superar Hooker, a última apresentação de Poirier foi em revés diante de Khabib Nurmagomedov, em setembro de 2019. Por outro lado, o americano foi o responsável pela última derrota de Gaethje no Ultimate, em abril de 2018. Por isso, questionado se um triunfo do seu compatriota poderia ser melhor para ele conseguir uma nova oportunidade pelo título, o atual número três do ranking dos leves despistou.

“Deixe o melhor lutador vencer. Quem estiver melhor preparado para aquela noite e executar o melhor jogo, levanta a mão no final. Quem quer que seja. Não estou torcendo por ninguém nessa luta”, completou o americano, que possui 26 vitórias, seis derrotas e um ‘No Contest’ (luta sem resultado) na carreira.