Siga-nos
Amanda Westcott/Triller Fight Club

Notícias

Sonnen ‘esquece’ de Anderson e Jones ao listar lutadores mais dominantes do MMA

Quando atuava como lutador, Chael Sonnen fazia de tudo para ser o centro das atenções e, agora, como comentarista de MMA da ‘ESPN’ americana, não abandonou seu lado polêmico. Recentemente, o veterano surpreendeu ao escolher Georges St-Pierre como um dos melhores atletas da história do peso-médio (84 kg), sendo que o mesmo integrou a divisão por apenas uma luta. Dessa vez, em seu programa na emissora, o americano ‘esqueceu’ de Anderson Silva e Jon Jones ao listar os cinco profissionais mais dominantes do esporte.

Na primeira colocação do ranking, Sonnen destacou ‘GSP’. De fato, o canadense marcou época nos meio-médios (77 kg) do UFC e é apontado por parte da comunidade do MMA como o melhor lutador da história da categoria e um dos melhores de todos os tempos do esporte. ‘Rush’ se tornou o número um da divisão em duas oportunidades e defendeu o título nove vezes, no período entre 2008 e 2013.

Em segundo lugar, Sonnen citou Khabib Nurmagomedov. É bem verdade que o russo encerrou sua carreira de forma invicta, mas, como campeão do peso-leve (70 kg) do UFC, defendeu seu cinturão apenas três vezes, no período entre 2018 e 2020. Abaixo de ‘The Eagle’, vem Amanda Nunes, dona dos títulos do peso-galo (61 kg) e do peso-pena (66 kg) da organização. A dominância da ‘Leoa’ nas categorias é tamanha, que parte dos fãs indica que a aposentadoria é a única adversária capaz de parar a atleta.

Dando continuidade ao ranking, Sonnen colocou Francis Ngannou na quarta posição. Vale lembrar que o camaronês conquistou o cinturão do peso-pesado do UFC em março e ainda não o defendeu, mas, para o comentarista, isso é o bastante para garantir uma vaga na lista de lutadores mais dominantes da história. Em quinto, mas não menos importante, se encontra Valentina Shevchenko. A campeã do peso-mosca (57 kg) do UFC iniciou seu reinado na categoria em 2018 e defendeu o título cinco vezes. Assim como Amanda, o tempo parece ser o principal oponente para a atleta do Quirguistão lidar.

Ao escolher seus representantes, Sonnen deixou de fora nomes consagrados do MMA, como Anderson Silva, Demetrious Johnson, Jon Jones, José Aldo, entre outros. Inclusive, os atletas foram tão dominantes nos anos de reinado em suas respectivas categorias, que os fãs e a imprensa especializada os colocam na disputa pelo status de melhor lutador da história do esporte.

Mais em Notícias