Siga-nos
Maria Suarez

Notícias

Sonnen enfrenta 11 acusações por suposta briga em hotel em dezembro em Las Vegas

Uma das grandes personalidades do MMA, Chael Sonnen se encontra em problemas com a justiça. O ex-lutador e atual comentarista está enfrentando 11 acusações decorrentes de uma suposta briga em um hotel localizado em Las Vegas (EUA), em dezembro. A informação foi divulgada pelo site ‘TMZ Sports’.

De acordo com os registros, Sonnen foi acusado pelo crime de agressão por estrangulamento, junto com dez acusações de contravenção por agressão, que foram registradas no dia 14 de março. Inicialmente, o americano recebeu cinco citações por contravenção pelo suposto incidente em dezembro. A polícia de Las Vegas recebeu uma ligação do ‘Luxor Hotel e Cassino’ e constatou que havia cinco vítimas na suposta confusão. Na ocasião, um homem que parece ser o veterano foi escoltado pela polícia local para fora da propriedade, mas, segundo o próprio órgão, o individuo não chegou a ser preso.

Pouco mais de um mês depois, as acusações foram ‘dispensadas pelo tribunal sem prejuízo’, o que significa que poderiam ser refeitas em uma data posterior. Agora, Sonnen deve comparecer ao tribunal no dia 27 de abril, em Las Vegas.

Bastante conhecido da comunidade do MMA por conta de seu ‘trash talk’, Chael Sonnen, de 44 anos, se tornou um dos personagens mais marcantes do esporte e virou uma espécie de personalidade. O americano se destacou na modalidade ao atuar no UFC, mas também viveu bons momentos no WEC e no Bellator. Na organização liderada por Dana White, o ex-lutador chegou a disputar o título do peso-médio (84 kg) e dos meio-pesados (93 kg), mas foi superado por Anderson Silva (duas vezes) e Jon Jones, respectivamente. Seus principais triunfos foram sobre Aleksei Oleinik, Brian Stann, Maurício ‘Shogun’, Michael Bisping, Nate Marquardt, Paulo Filho, Quinton ‘Rampage’ Jackson, Renato ‘Babalu’, Wanderlei Silva e Yushin Okami.

Mais em Notícias