Siga-nos

Notícias

‘Netto BJJ’ é nocauteado por promessa alemã no UFC Newark

Retornando ao octógono após um hiato de oito meses, período ampliado por uma lesão na coluna, Joaquim ‘Netto BJJ’ Silva foi nocauteado por Nasrat Haqparast, em confronto válido pelo card principal do UFC Newark, realizado neste sábado (3). Com ambos os atletas vindo de ganhar o prêmio de ‘Luta da Noite’, era de se esperar que o combate não fosse para a decisão dos jurados.

Fã declarado do estilo de luta da lenda do MMA Wanderlei Silva, o peso-leve (70 kg) começou a luta de forma agressiva. O brasileiro dominou as ações até a metade do primeiro round. Após um momento inicial de estudo, o alemão se mostrou mais preciso e confortável com o andamento do assalto.

No segundo round, Haqparast conseguiu defender-se dos ataques do goiano e aplicou um cruzado de esquerda que levou o rival ao solo. Vitória por nocaute técnico do descendente de afegãos.

Com o triunfo, a jovem promessa alemã de 23 anos conquistou seu terceiro triunfo consecutivo no Ultimate. Em sua carreira profissional, agora, são 11 vitórias e apenas duas derrotas. Já ‘Netto BJJ’, que foi semifinalista da quarta edição brasileira do ‘The Ultimate Fighter’, acumulou seu segundo revés nas últimas três aparições no octógono mais famoso do mundo.

Americano coloca o rival para dormir

No combate válido pelos pesos-médios (84 kg), Gerald Meerschaert finalizou Trevin Giles no terceiro round. O veterano, de 31 anos, vinha de duas derrotas seguidas no evento e conseguiu se recuperar, somando agora 29 vitórias em 40 lutas. Este foi o segundo revés de Giles na carreira profissional.

O combate, que vinha desagradando ao público, foi equilibrado e contou com várias alternâncias de superioridade no octógono — em sua maioria causadas por deficiências técnicas dos atletas, especialmente na luta de chão. No terceiro assalto, ‘GM3’ conseguiu encaixar uma guilhotina e colocou o rival para dormir. Giles chegou a bater duas vezes, porém o árbitro Herb Dean demorou a visualizar e interromper o confronto.

Americano volta a vencer após interrupção médica

Na segunda luta do card principal do UFC Newark, Scott Holtzman venceu Dong Hyun Ma por nocaute técnico após interrupção médica. O peso-leve (70 kg), que vinha de derrota na sua última aparição, recuperou-se com uma apresentação impecável. O sul-coreano perdeu 20% de sua bolsa por ter falhado sobre a balança na pesagem realizada na sexta-feira (2).

O americano dominou completamente o primeiro assalto, com direito a knockdown e boa movimentação no chão. No segundo round, Holtzman seguiu superior em todos os aspectos da luta. O único momento favorável ao asiático aconteceu durante uma trocação franca, onde acertou um potente golpe.

Com um inchaço considerável no olho esquerdo de Dong Hyun Ma, o médico foi chamado ao octógono no intervalo entre o segundo e terceiro assaltos. Com o olho do coreano basicamente fechado, o árbitro encerrou o confronto dando a vitória a ‘Hot Sauce’ por nocaute técnico.

Nigeriano sofre com golpes baixos do adversário, mas vence

Com os dois lutadores vindo de derrota e precisando se recuperar no Ultimate, o confronto entre Darko Stosic e Kennedy Nzechukwu, pelo meio-pesado (93 kg), foi vencido pelo nigeriano de nascimento.

Pupilo da lenda Mirko ‘Cro Cop’ Filipovic, o sérvio apresentou um estilo de luta muito parecido com o do seu mentor. Apesar de dominar as ações durante a maior parte do combate, Stosic aplicou três golpes ilegais contra o adversário e perdeu dois pontos nas papeletas.

Após o terceiro chute nas partes baixas do rival, o árbitro deu ao africano a oportunidade de interromper o confronto e ganhar por desclassificação de Stosic. No entanto, Nzechukwu optou por continuar até o final e venceu na decisão unânime dos jurados.

Acompanhe os resultados do UFC Newark:

Leve (70 kg) | Nasrat Haqparast venceu Joaquim ‘Netto BJJ’ Silva por nocaute técnico

Médio (84 kg) | Gerald Meerschaert venceu Trevin Giles por finalização

Leve (70 kg) | Scott Holtzman venceu Dong Hyun Ma por nocaute técnico (interrupção médica)

Meio-pesado (93 kg) | Kennedy Nzechukwu venceu Darko Stosic por decisão unânime

Meio-médio (77 kg) | Mickey Gall venceu Salim Touahri por decisão unânime

Mosca feminino (57 kg) | Antonina Schevchenko venceu Lucie Pudilova por finalização

Mosca (57 kg) | Matt Schnell venceu Jordan Espinosa por finalização

Mosca feminino (57 kg) | Lauren Murphy venceu Mara Romero Borella por nocaute técnico

Meio-médio (77 kg) | Cláudio ‘Hannibal’ Silva venceu Cole Williams por finalização

Mosca feminino (57 kg) | Miranda Granger venceu Hannah Goldy por decisão unânime

 

Mais em Notícias