Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Dana White revela que Edwards deve fazer mais uma luta antes de disputa de título

A vitória de Vicente Luque sobre Michael Chiesa, no último sábado (7), no UFC 265, pode movimentar peças importantes no topo da divisão dos meio-médios (77 kg) da organização. Com o triunfo, o atleta se colocou em boa posição para lutar pelo cinturão da categoria, mas esse fato pode influenciar na próxima apresentação de outro postulante ao título. Trata-se de Leon Edwards.

Mesmo com nove vitórias em suas últimas dez apresentações pelo Ultimate e sem ser derrotado desde dezembro de 2015, o britânico, que vinha pleiteando uma oportunidade de brigar pelo cinturão da divisão, pode ficar mais um passo atrás nesse desejo. Pelo menos foi o que adiantou Dana White, presidente da organização.

Na coletiva de imprensa pós-UFC 265, o cartola foi questionado sobre os próximos passos da categoria dos meio-médios e como ficaria o futuro de Edwards. De acordo com o dirigente, a expectativa é que o britânico faça mais um combate antes de ter uma chance para ser o rei da divisão e justificou seu pensamento pelo grande período de inatividade do atleta, que lutou uma vez nos últimos dois anos.

Quem pode se animar com essa declaração de Dana é Gilbert ‘Durinho’. Recentemente, através das redes sociais, o brasileiro tem feito uma campanha para enfrentar Edwards, com seguidos desafios ao europeu. Atualmente, o brasileiro é o número dois do ranking dos meio-médios, enquanto o inglês é o terceiro colocado.

No MMA desde 2011, Leon Edwards tem um cartel de 19 vitórias, três derrotas e um ‘no contest’ em sua carreira. O britânico não sabe o que é uma derrota na carreira desde 2015, quando foi superado por Kamaru Usman, atual campeão dos meio-médios do UFC.

Mais em UFC