Siga-nos

Notícias

‘Borrachinha’, Romero e Adesanya travam guerra online de olho em cinturão do UFC

Paulo ‘Borrachinha’ permanece invicto no MMA após 13 lutas profissionais – Rigel Salazar

Bastou Dana White dizer que Paulo ‘Borrachinha’, recém-operado, não seria mais o próximo desafiante ao cinturão dos pesos-médios (84 kg) para que o topo da categoria voltasse a se transformar em um campo de batalha nas redes sociais. Todos, claro, de olho na chance de desafiar o campeão Israel Adesanya.

Ele mesmo, por sinal, puxou a dianteira e elegeu o cubano Yoel Romero como o principal nome da lista. Sem citar o nome de Borrachinha, o campeão do UFC apenas afirmou que tal cenário de dúvida sobre a data de retorno do brasileiro não seria uma surpresa, e que Romero deveria ser o próximo.

“Vocês estão descobrindo as m*** que conhecemos há semanas e planejamos há meses! #iseeyousoonboi @YoelRomeroMMA”, postou Adesanya, marcando o rival cubano e usando o mais famoso de seus bordões.

O wrestler de 42 anos, por sua vez, aceitou o duelo sem perder tempo e, através de sua conta no Instagram, apenas pediu que o processo de negociação fosse rápido e que lhe dessem logo uma data para competir no octógono contra o nigeriano.

“Hey, Israel, porquê você diz: ‘See you, boy?’ (te vejo, garoto). Você não precisa dizer algo assim. Apenas me dê a droga da data. Me dê a droga da data. Fale com o Dana (White) sobre a data, ok?”, narrou o cubano em tom nada amistoso (veja abaixo ou clique aqui).

Por sua vez, Borrachinha preferiu ironizar o pedido de Romero e relembrar do combate entre eles, em agosto, que foi vencido pelo brasileiro por decisão unânime dos jurados após três rounds de intensa trocação. Com o triunfo, o invicto lutador recebeu na época a confirmação de seu nome como o próximo da lista para uma disputa de título.

“Oh, meu Deus, esse cara sobreviveu? Depois daquela surra? Incrível! (risos) Escuta, aquele palhaço magricelo engraçado (Adesanya) será morto por mim, eu prometi isso e o farei. Vou fazer isso em abril, está logo ali! Então fica frio aí e volta para sua aposentadoria forçada”, sentenciou o brasileiro (veja abaixo ou clique aqui).

Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag. Fight, Borrachinha afirmou que poderá lutar em abril e que Dana White se confundiu com relação a data. Desta forma, ao menos na visão do lutador, sua chance de encarar o Adesanya segue como prioridade para o show.

Mais em Notícias