Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

Notícias

Após dispensa do UFC, Overeem demonstra gratidão e não crava aposentadoria

Após quase uma década de serviços prestados ao UFC, Alistair Overeem não faz mais parte do plantel de atletas do principal evento de MMA do mundo. Dispensado pelo Ultimate na última quarta-feira (3), o veterano, de 40 anos, utilizou sua conta oficial no ‘Instagram’ para se despedir da organização e agradecer a todos que o acompanharam nessa trajetória (veja abaixo ou clique aqui).

Na mensagem publicada pelo peso-pesado não fica claro se este é fim de sua carreira ou apenas de sua trajetória no Ultimate. Vale lembrar que, antes de sua última luta, onde foi derrotado por Alexander Volkov e viu sua sequência de vitórias ser interrompida, o próprio Overeem classificou o momento vivido por ele à época como a “corrida final” em busca do sonhado título do UFC, tendo em vista sua avançada idade.

“A última corrida chegou ao fim, mas que corrida tem sido. Olhando para trás para os meus dez anos no UFC, essa tem sido uma experiência de uma vida. Um grande obrigado à toda equipe do UFC, os fãs e todos os lutadores que cruzaram o meu caminho. Não poderia ter desejado uma trajetória de carreira melhor. Um obrigado especial para Dana White e Lorenzo Fertitta por fazerem tudo ser possível. Lutar para todos vocês tem sido uma grande honra”, escreveu o ex-campeão peso-pesado do Strikeforce.

No MMA profissional desde 1999, Alistair Overeem teve passagem marcante por alguns dos maiores eventos da modalidade na história, como o Pride, Strikeforce, Dream e UFC. O holandês ainda se destacou no kickboxing, competindo especialmente sob a bandeira do K-1.

Em sua carreira no MMA, o veterano acumula até o momento 47 vitórias, sendo 25 por nocaute, 19 derrotas e um ‘no contest’ (luta sem resultado). Pelo UFC, Overeem conquistou 12 triunfos e oito reveses, um destes diante de Stipe Miocic, em disputa pelo título dos pesos-pesados, na única oportunidade que o holandês teve de lutar pelo cinturão em sua passagem pela organização.

Mais em Notícias