Com grandes nomes na história do UFC, o Brasil conta atualmente apenas com Amanda Nunes, detentora dos cinturões peso-galo (61 kg) e peso-pena (66 kg), na lista de campeões da entidade. No entanto, este cenário pode mudar ainda em 2020. Nesta galeria, a Ag. Fight enumera alguns atletas brasileiros que estão próximos de disputas de título em suas categorias, e podem fazer companhia a ‘Leoa’ em breve - Diego Ribas
Soberano no peso-pena durante anos, José Aldo desceu para a divisão dos galos e deve lutar pelo título da categoria em sua próxima luta. Com o cinturão até 61 kg vago após a aposentadoria de Henry Cejudo, o UFC agendou o duelo entre o manauara e Petr Yan, ainda sem data e local confirmados, para definir o próximo campeão - Diego Ribas
Também com o cinturão de sua divisão vago, Deiveson Figueiredo teve a oportunidade de se sagrar campeão peso-mosca (57 kg), mas acabou ficando sem a cinta – mesmo vencendo Joseph Benavidez no UFC Norfolk – por não ter batido o peso no dia anterior. O paraense terá nova oportunidade, novamente contra Benavidez, em revanche que deve acontecer no dia 18 de julho - Gaspar Bruno
Confirmado como próximo desafiante ao título do peso-médio (84 kg), Paulo ‘Borrachinha’ terá a chance de conquistar o cinturão de uma divisão que foi dominada por outro brasileiro, Anderson Silva, durante anos. O duelo contra o atual campeão Israel Adesanya ainda não tem data e local confirmados oficialmente pelo UFC - Diego Ribas
Atual número um no ranking dos meio-médios (77 kg), Gilbert ‘Durinho’ vem em franca ascensão desde que subiu do peso-leve para a nova categoria. Com quatro triunfos consecutivos, o último sobre o ex-campeão Tyron Woodley, de forma categórica, o niteroiense já pleiteia um ‘title shot’ contra Kamaru Usman, detentor do cinturão até 77 kg e companheiro de equipe do brasileiro - Leandro Bernardes
Ainda sem fazer seu retorno ao octógono desde que perdeu o cinturão peso-palha (52 kg) para Zhang Weili, Jéssica ‘Bate-Estaca’ deve encarar a também ex-campeã Rose Namajunas em seu próximo compromisso. Caso supere novamente a americana, a paranaense pode se aproximar de uma revanche contra a chinesa, pelo título da categoria - Gaspar Bruno
Depois de dar trabalho a Jon Jones na disputa pelo cinturão dos meio-pesados (93 kg) em julho do ano passado, Thiago ‘Marreta’ precisou passar por cirurgia nos dois joelhos e segue afastado dos octógonos. Com ‘Bones’ ameaçando se afastar indefinidamente do esporte por causa de um imbróglio com o UFC, o carioca – que está próximo do retorno – pode entrar no bolo de atletas considerados para brigar pelo título, caso ele esteja realmente vago - Diego Ribas
Recordista de vitórias por finalização na história do UFC, Charles ‘Do Bronx’ vem na melhor fase da carreira, com sete vitórias consecutivas no octógono mais famoso do mundo. Na sétima posição no ranking peso-leve (70 kg), o paulista deve precisar de mais um ou dois triunfos, além de um pouco de sorte, para conseguir um ‘title shot’ na divisão mais forte da liga - Leandro Bernardes.