Siga-nos

Entrevistas

Marlon Vera destaca concorrência e aponta o diferencial na briga por um ‘title shot’ no peso-galo

Vindo de uma boa sequência de vitórias, que o levou ao top 5 do peso-galo (61 kg), Marlon ‘Chito’ Vera volta ao octógono mais famoso do mundo neste sábado (13), para enfrentar o ex-campeão Dominick Cruz, na luta principal do UFC San Diego. Um novo triunfo, desta vez sobre aquele que é amplamente visto como um dos grandes nomes da categoria na história, pode deixar o equatoriano em boas condições de pleitear sua primeira luta de título. Mas a disputa por um próximo ‘title shot’ da divisão promete ser acirrada e o sul-americano tem consciência disso.

Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag Fight (clique aqui), ‘Chito’ Vera destacou o grande momento vivido pela divisão dos galos no UFC, que possui na briga pelo topo tanto nomes históricos – Cruz, José Aldo e TJ Dillashaw -, como novos talentos em busca de consagração, como ele, Merab Dvalishvili e Cory Sandhagen. Diante da forte concorrência, o equatoriano não tem dúvida de que a performance dentro do octógono vai ser fundamental na escolha do próximo desafiante por parte da organização.

“Eu acho que uma vitória boa pode me colocar à espera do cinturão. Mas se o UFC decidir colocar outra pessoa para lutar pelo cinturão, eles vão me dar uma boa luta. Então, eu acho que a melhor performance é que vai levar até o cinturão. (…) Hoje em dia, a divisão está muito boa. Tem lutas marcadas como: Aldo vs Merab, Sandhagen vs Song Yadong, TJ vs Sterling, eu e Dominick. Qualquer ganhado dessas lutas pode ir lutar pelo cinturão. Quem fizer a performance mais épica é o cara que vai lutar pelo cinturão. Isso é o mais importante. Performance é o que o UFC mais gosta”, analisou Marlon Vera.

Número cinco do ranking peso-galo, Marlon Vera pode subir mais alguns degraus rumo ao topo da categoria com uma vitória, e uma boa performance, contra o ex-campeão Dominick Cruz, neste sábado, pelo main event do UFC San Diego. Vale lembrar que a próxima disputa de título na divisão está programada para acontecer no dia 22 de outubro, na edição de número 280, que será sediada em Abu Dhabi (EAU), e terá o atual dono do cinturão Aljamain Sterling enfrentando o antigo rei da categoria TJ Dillashaw, na co-luta principal do show.

Mais em Entrevistas