Siga-nos
exclusivo!
Louis Grasse/PxImages

Entrevistas

‘Do Bronx’ aposta em vitória de McGregor sobre Poirier, mas cobra respeito: “Sou o campeão”

Bastou Conor McGregor voltar a lutar para transformar o cenário do peso-leve (70 kg) em um verdadeiro caos. No UFC 264, evento que acontece neste sábado (10), em Las Vegas (EUA), o astro irlandês vai realizar a trilogia com Dustin Poirier, em duelo que deve definir o próximo desafiante ao título da categoria. Além de atacar o rival, ‘Notorious’ também provocou Charles Oliveira. Ao tomar conhecimento da postura do ex-campeão, ‘Do Bronx’ respondeu e se impôs.

Recentemente, McGregor declarou que, após superar Poirier na trilogia, seu alvo será Charles. Inclusive, ‘Notorious’ informou que o brasileiro não lhe impressiona e sentenciou que o mesmo vai desmoronar em sua primeira defesa de título, quando lutarem. Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag. Fight, o campeão do peso-leve informou que está de braços abertos para enfrentar tanto o irlandês, quanto o americano. Tanto é que ‘Do Bronx’ se encontra em Las Vegas (EUA) e vai marcar presença no evento.

Vale lembrar que, antes de conquistar o título da categoria, Charles, constantemente, expressava o interesse de enfrentar McGregor no octógono, de forma respeitosa. Depois de ser atacado por ‘Notorious’, o brasileiro mudou o tom. Mesmo apostando na vitória do irlandês sobre Poirier, ‘Do Bronx’ cobrou respeito. O paulista frisou que não é um atleta qualquer, nem chegou ao topo do peso-leve por acaso e garantiu estar preparado para encarar o maior desafio em sua trajetória de 11 anos na organização.

“Eu não tenho escolha de quem vai ser. Sempre lutei contra qualquer um. Eu sou o campeão. Eles é que têm que fazer o trabalho para fazer acontecer e vir lutar. O Conor é falastrão e fala muito. É como falei, primeiro de tudo, ele tem que passar por esta luta para depois ficar pensando lá na frente. Ele vencendo, pode vir, que estarei pronto, como sempre estive pronto”, declarou ‘Do Bronx’, antes de completar.

“Eu sou o campeão e ele tem que me respeitar por isso. Ele tem que me respeitar. É uma nova história, uma nova era e estou aqui, pronto. Vou estar sentado na primeira fila esperando qualquer um. Aposto no Conor desta vez, mas vou estar pronto para qualquer um”, concluiu.

Charles Oliveira, de 31 anos, vive momento mágico no MMA. Conhecido no esporte pelo jiu-jitsu de alto nível, o brasileiro mostrou que sua trocação também está afiada e representa uma ameaça aos oponentes. Agora, ‘Do Bronx’ possui nove triunfos seguidos, sendo cinco por finalização e três por nocaute. Além disso, o campeão do peso-leve do UFC é o recordista de finalizações na história da companhia (14 vezes) e o lutador que mais venceu pela via rápida (17). Seu cartel profissional é composto por 31 vitórias, sendo 28 pela via rápida, e oito derrotas.

Mais em Entrevistas