Siga-nos
Reprodução/ Instagram

Doping

USADA suspende Yair Rodriguez após seguidas falhas no protocolo antidoping

Um dos maiores nomes do MMA mexicano, Yair Rodriguez recebeu uma suspensão de seis meses por falhar seguidamente em fornecer dados corretos de sua localização para os membros da USADA (agência antidoping americana). Desta forma, após não ser encontrado em três oportunidades ao longo da temporada 2020, o peso-pena (66 kg) recebeu um gancho da entidade.

O anúncio foi feito pela USADA nesta quinta-feira (3) através de seu site oficial. No documento, a agência afirmou que o atleta de 28 anos não foi encontrado em três oportunidades em cada um dos três primeiros trimestres do ano, caracterizando uma violação da política antidopagem exigida para os atletas do UFC.

Desta forma, chega ao fim o mistério levantado por Dana White. Durante recente coletiva de imprensa em Las Vegas, o presidente do Ultimate afirmou que o lutador mexicano não lutaria em breve e que a razão seria revelada em breve, mas que não era de responsabiliade do evento.

Leia abaixo os principais momentos do anúncio da USADA:

“Como todos os atletas do UFC, Rodriguez é membro do grupo registrado de testes do UFC e, portanto, está sujeito a certas responsabilidades sobre sua localização, o que permite que ele seja localizado para testes. Informações precisas sobre a localização são um componente crucial em um programa de teste fora do período de competição eficaz, pois permite que as organizações antidopagem conduzam coletas de amostras sem aviso prévio – o que ajuda a manter a prevenção eficaz do doping.

Rodriguez falhou em atualizar as informações sobre sua localização e não estava disponível para testes nos locais fornecidos em seus arquivos em três ocasiões. Ele acumulou uma falha de localização em cada um dos três primeiros trimestres de 2020. O acúmulo de três falhas de localização em um período de 12 meses constitui em uma violação da política antidopagem do UFC”

Mais em Doping