Siga-nos
Divulgação/Bellator

Bellator

Lyoto Machida abre as portas para trilogia com Gegard Mousasi no Bellator

Lyoto Machida é um veterano do MMA, mas ainda tem sonhos a realizar no esporte. Aos 43 anos, o brasileiro vive má fase na carreira, mas ignora o retrospecto e mostra confiança para enfrentar Fabian Edwards no Bellator 281, evento que acontece nesta sexta-feira (13), em Londres (ING). Para a luta, ‘The Dragon’ retorna ao peso-médio (84 kg) e, mesmo com três derrotas seguidas, já mira encarar o campeão Gegard Mousasi, seu rival.

No ‘media day’ do Bellator 281, realizado na última quarta-feira (11), Lyoto, em caso de triunfo diante de Edwards, que atua em casa, projeta um possível duelo com Mousasi na sequência. Como possui uma idade avançada para praticar esportes de combate, o brasileiro admite que está em uma corrida contra o tempo para se tornar campeão da companhia, mas garante que não vai desistir do seu sonho, pois ainda se sente capaz de competir em alto nível. Vale pontuar que Machida e ‘The Dreamcatcher’ se enfrentaram duas vezes no MMA, com uma vitória para cada lado. Sendo assim, o veterano indica que encerrar a rivalidade em vantagem e, consequentemente, com o título do peso-médio da empresa vai ser uma ocasião especial em sua trajetória.

“Acredito que sim, mas não gosto de dizer nada antes. Mas, depois dessa luta, depois dessa vitória, com certeza acho que Mousasi ou o próximo campeão seria a luta perfeita para mim. Não estou neste esporte apenas por diversão. Estou aqui porque gosto. Claro que me sinto muito motivado e quero subir até o topo, quero ser campeão, mas, como disse, ser campeão não é o objetivo principal. Quero ser campeão, mas, se não for possível, tudo bem. Tenho que aceitar tudo, porque já fiz muito”, declarou a lenda do MMA.

Lyoto Machida e Gegard Mousasi estão empatados e podem se enfrentar pela terceira vez no peso-médio do Bellator. Na primeira luta, realizada em 2014, pelo UFC e no Brasil, ‘The Dragon’ levou a melhor sobre o rival por decisão unânime. Na revanche, que aconteceu em 2019 e pela organização de Scott Coker, ‘The Dreamcatcher’ superou o veterano por decisão dividida.

Mais em Bellator